O relógio inteligente chama-se D Watch e é fabricado na China, numa das zonas económicas mais férteis, economicamente falando. A empresa YQT Eletronic Tecnology Co.Ltd, sediada em Shenzhen, reclama que "há muitos anos aposta na produção de smart watches". O director da empresa, Zheng Yi, disse, em entrevista ao China Daily, que já foram vendidos entre 20 a 30 mil relógios que imitam a criação da #Apple.

"É uma peça bonita, embora o desempenho não seja tão bom como o relógio da Apple", admite o mesmo responsável, que acrescenta que foram feitas "algumas modificações no design". O registo da patente já foi solicitado e o sucesso das vendas garante dias de muito trabalho para os mais de 100 funcionários da empresa dedicados à produção do relógio.

Publicidade
Publicidade

Como qualquer imitação que se preze, o preço também é um atrativo. O relógio chinês custa menos 10% do que o da Apple. A empresa norte-americana ainda nem sequer lançou o produto mas já se sabe que o relógio deverá custar, no mínimo, 400 euros. O outro, fabricado na China, custa apenas 40 euros. Está à venda online e Zheng Li garante que "as cópias já bateram os originais". Isto porque a China é um dos dez países na lista de lançamento dos relógios da Apple, que deverá acontecer apenas no final de Abril.

Tim Cook, presidente da multinacional Apple, anunciou o lançamento do smart watch em mais nove países, para além da China. Estados Unidos e Reino Unido são mais dois exemplos. Para além do Apple Watch, a versão mais simples, haverá mais dois modelos: o Wacth Sport, produzido em cinco cores diferentes e com vidro reforçado através da tecnologia Ion-X; e ainda, o Watch Edition, fabricado em ouro de 18 quilates e com um ecrã revestido com cristal de safira polida.

Publicidade

A China começa assim a dar horas primeiro que a multinacional americana e promete, mais uma vez, intrometer-se na luta pela conquista do mercado. As imitações de ideias externas é já um hábito do país que, desde quadros de artistas famosos a gadgets, tenta oferecer em paralelo os mesmos produtos só que mais em conta e com alguns ajustes. #Inovação