Desenvolvido pela Square Enix, pelas mãos de Tetsuya Nomura e Shinji Hashimoto, será um jogo exclusivo para a Playstation 4 ainda sem data prevista de lançamento neste ano de 2016. A história começa com Master Xehanort, o grande vilão, a abandonar Ven, um jovem rapaz, em Destiny Islands.

Alguns anos depois, ele faz companhia aos seus dois amigos, Terra e Aqua, que treinam para se tornarem Keyblade Masters. Estes dois participam no teste para Mastery, desenvolvido pelo seu professor Master Eraqus e pelo seu rival Master Xehanort. Aqua consegue passar no teste, mas Terra chumba, facto que o deixa furioso. Abalado pelas palavras de Xehanort, abandona o mundo.

Publicidade
Publicidade

Ven segue Terra, mas Aqua vai atrás deles para trazer Ven de volta.

Segundo a IGN.com, ao longo da história, as três personagens visitam mundos diferentes e desempenham várias tarefas, terminando a sua missão em Radiant Garden. Terra está zangado com Aqua porque acredita que este está a deixar que a ideia de se tornar Master lhe esteja a toldar o discernimento e parte novamente. Ven concorda e, mais uma vez, segue o amigo. Aqua, perturbado, regressa ao seu mundo onde vê Xehanort matar o seu Master Eraqus. Antes de morrer, o Mestre entrega-lhe a sua Keyblade, a Master Keeper, e pede-lhe  que proteja os seus amigos Terra e Ven.

Kingdom Hearts 3 continua a história de Kingdom Hearts 3D: Dream, Drop and Distance, mas o tempo que distancia os dois #Jogos ainda não é conhecido. Sabe-se, porém, que será o capítulo final da Xehanort Saga, onde muitas das questões levantadas em jogos anteriores serão respondidas.

Publicidade

Sabe-se também que Sora, Donald e Goofy procuram os Sete Guardiões da Luz e a Key to Return Hearts. Noutra parte desse mundo, King Mickey e Riku procuram antigos guardiões da Keyblade numa tentativa de travar Xehanort na sua ideia de desequilibrar a luz e a escuridão dos mundos. Esta busca levará ao encontro final entre Sora e Xehanort.

Existirão inúmeras localizações em Kingdom Hearts 3, juntamente com múltiplos universos. Até agora, e como o jogo ainda não tem data definida de lançamento, só são conhecidos os clássicos Destiny Islands e Twilight Town. É um jogo crossover action role-playing em que se cruzam vários cenários da Disney baseado num universo criado exclusivamente para a série que teve o seu início com o lançamento de Kingdom Hearts em 2002.

Segundo o diretor do projeto da Square Enix, Tetsuya Nomura, a ação do jogo é mais frenética e maior do que a de jogos anteriores. Será também um jogo three person parties, mas os NPC e as outras personagens juntam-se para lutar, ficando cada uma no seu mundo.

Publicidade

O inimigo AI é muito mais complexo e o jogo refletirá esse equilíbrio dinâmico.

Nomura afirma também que talvez seja possível um sistema multiplayer e/ou modo online, apesar de ainda não haver confirmação para tal. Foi gasto mais tempo na elaboração da nova imagem das personagens para as tornar mais realistas e de nova geração, mas mantendo o traço original dos desenhos e pintura dos Estúdios Disney.

Tai Yasue, da Square Enix, afirma que "ainda há muita coisa que nunca fizemos antes (...) há muita coisa que é igual, mas há muita coisa que mudou. Estamos a mudar de uma consola diferente para uma nova consola. A tecnologia evoluiu; é muito recente e toda a gente está a fazer muita pesquisa. E, mesmo assim, parece espetacular".

Os fãs da saga Kingdom Hearts esperam que sim.