O canal de televisão BBC anunciou que Jeremy Clarkson foi suspenso "enquanto decorre uma investigação" e que o apresentador "foi o único a ser punido". Motivos de polémica em torno do apresentador já não são novidade. Em Maio passado, Jeremy Clarkson recebeu aquilo a que chamou de "último aviso", após o terem acusado de usar uma palavra racista durante as filmagens de "Top Gear". Na altura admitiu que o canal de televisão o avisou que poderia ser despedido caso o sucedido se voltasse a repetir. A BBC não revelou mais detalhes acerca do incidente que envolveu o apresentador de 54 anos de idade e tão cedo não fará novas declarações.

Já no mês passado, Jeremy colocou um post no twitter onde se poderia ler: "Procura-se: novo apresentador para o Top Gear.

Publicidade
Publicidade

O candidato deve ser velho, mal vestido e trapalhão, mas capaz de chegar ao trabalho a horas". Um tweet que lido hoje poderá gerar vários pensamentos entre a crítica. Com Clarkson aos comandos do programa desde 2002, este já se deparou com vários momentos de controvérsia, motivo pelo qual também se tornou famoso.

Em Outubro de 2014, toda a equipa do programa teve que abandonar as filmagens na Argentina após protestos derivados a uma chapa de matrícula que parecia referir-se à Guerra das Malvinas que envolveu a Grã-Bretanha com a Argentina em 1982. Em Julho de 2014, usou um termo para se referir a um cidadão asiático que foi entendido como uma injúria racial.

Em Maio de 2014, um vídeo em que Jeremy usava um termo racista enquanto recitava um verso infantil, chegou às mãos do jornal Daily Mirror.

Publicidade

O vídeo nunca foi transmitido, mas levou Clarkson a pedir perdão numa declaração em vídeo. Em Outubro de 2012, Clarkson comparou uma autocaravana a uma pessoa com desfiguração facial, o que gerou bastante polémica.

Em Janeiro de 2012, num programa especial sobre a Índia, Clarkson referiu que um veículo equipado com casa de banho seria ideal para a Índia, uma vez que "quem lá vai apanha diarreia." Em Fevereiro de 2011, o canal BBC teve que pedir desculpa ao México, depois de Clarkson ter chamado aos habitantes "preguiçosos" e "irresponsáveis". #Famosos