Zezé Camarinha esteve esta quinta-feira no programa da manhã da CMTV onde teceu comentários sobre a última polémica entre ele e José Castelo Branco. No programa apresentado por Nuno Graciano e pela Maya, o algarvio falou sobre a agressão a Castelo Branco no directo de domingo da TVI, tentando justificar ao máximo os seus actos altamente condenáveis. "Eu na segunda-feira fui logo ter com a minha advogada, quem o vai processar sou eu, fui insultado", revelou.

Amigo pessoal de Nuno Graciano, Zezé Camarinha aceitou comentar o assunto do momento no seu programa, depois de ter tido conhecimento que Castelo Branco pretende processá-lo em tribunal por agressão e injúrias.

Publicidade
Publicidade

Começando por contextualizar acontecimentos antecedentes entre ambos, o algarvio revela que há sete anos atrás o socialite chamou-o de "chulo" e " bicha algarvia", no programa da SIC "Contacto", tendo-se sentido muito ofendido na altura. "Ele pode ser o que quiser, mas não pode maltratar as outras pessoas. Que trate as pessoas pelo nome, e não por nomes de animais. Eu na altura só não fui a ele porque me travaram", afirmou Zezé irritado.

Durante toda a entrevista, os apresentadores do programa mostraram-se cúmplices com o convidado, aceitando facilmente a atitude de Camarinha e considerando que os argumentos dados por este justificavam a agressão ao socialite. "Fui eu que fui ofendido, chamou-me anormal. Eu apenas ia ao lado dele, para lhe falar ao ouvido. No entanto, quando cheguei à beira dele, ele insultou-me forte e feio e perdi a cabeça, puxando o casaco de peles dele.

Publicidade

Eu até pensei que ele tinha peruca", revelou Camarinha, dando a entender que não lhe tinha puxado o cabelo, mas sim as peles de raposa do casaco.

"Eu já o pus em tribunal na segunda-feira, ele já vai atrasado. Ele diz que eu não tenho dinheiro para lhe pagar, mas eu nunca devi nada a ninguém e pago sempre aos meus trabalhadores", atacou o algarvio. Entre risotas e sorrisinhos, Maya e Graciano, no final da conversa, acabaram por concordar com Zezé Camarinha e que José Castelo Branco mereceu a agressão. Quando, qualquer que seja a força dos argumentos, nada justifica um acto de violência gratuito. Zezé Camarinha tentou-se defender do injustificável, enquanto os apresentadores ficaram mal na fotografia. #Famosos #Televisão