É caso para dizer que na separação de Tom Cruise e Nicole Kidman a culpa não morreu solteira. De acordo com um documentário estreado no Festival de #Cinema de Sundance e que tem gerado alguma polémica, a Cientologia poderá ter sido a grande responsável pelo divórcio entre os dois actores que ocorreu em 2001. Trata-se do trabalho com assinatura do vencedor do Óscar por "Um táxi para a escuridão", Alex Gibney, e que se baseia no livro homónimo do jornalista Lawrence Wright. "Going Clear: Scientology and the Prison of Belief" (Tradução: A cientologia e a Prisão da Fé) estreou com uma sala lotada e rapidamente gerou uma onde de surpresa e espanto que acabaram por passar para fora da sala de cinema. A verdade é que o documentário reúne entrevistas com ex-membros desta #Religião que tem atraído grandes estrelas de Hollywood, antigos ocupantes de altos cargos e, segundo eles, esta religião intimida, manipula e chega ao extremo de torturar os seus membros.

São revelações polémicas que têm levantado fortes críticas. Mas o filme vai muito além do facto de expor alguns dos "podres" da cientologia, pormenorizando situações relacionadas com alguns membros, nomeadamente Tom Cruise, conhecido como "The Guy", uma vez que era um dos membros mais influentes da religião e o líder da igreja, David Miscavige, não escondia o receio de o perder. Mas, ao que este trabalho leva a crer, os problemas começaram a surgir a partir do momento em que o actor caiu de amores por Nicole Kidman, durante a rodagem do filme "Dias de Tempestade", em 1990.

O problema não era apenas isto. Pelo facto do pai da actriz ser psiquiatra e uma vez que a cientologia não crê nesta área do saber, a actriz foi, desde logo, vista como uma fonte de problemas, como o "inimigo", como descreve o filme. Como tal, David Miscavide, desconfiado de que a actriz australiana estava a tentar convencer Tom Cruise a abandonar o 'clã', colocou o telefone dela sob escuta. Tom Cruise esteve casado durante cerca de uma década com a actriz e durante a união adoptaram duas crianças, Isabella e Connor. Quanto à sua relação com a cientologia, a verdade é que ao longo do seu casamento com Nicole Kidman, o actor distanciou-se da religião, pelo que, ao que o documentário alega, os membros iniciaram uma campanha intimidatória que tinha como fim último separar o casal. Tal acabou por acontecer e em 2011 um dos casais mais mediáticos de Hollywood colocou um termo na relação.

Alguns cientologistas #Famosos:  John Travolta, Kirstie Alley, Lisa Marie Presley, Nancy Cartwright, Jason Lee, Isaac Hayes, Edgar Winter, Tom Cruise, Chick Corea e Leah Remini.