Faz o que eu digo, não faças o que eu faço. Parece ser esta a máxima de Elton John que, apenas um dia depois de ter anunciado e apelado a um boicote à Dolce & Gabbana, foi visto com um saco da marca dos criadores italianos. O cantor foi fotografado na passada segunda-feira, dia 16, à entrada para um estúdio em Los Angeles, com "a arma do crime" na mão. Não se sabe, contudo, se no interior do saco estavam, ou não, produtos da marca italiana.

Confrontado pelo Mail Online, versão web do jornal britânico The Daily Mail, um porta-voz do cantor disse apenas que Sir Elton John "foi a um estúdio de gravação, não às compras".

Publicidade
Publicidade

Mais tarde, em conversa telefónica, alegou que as fotografias eram "antigas" e que não tinham sido tiradas ontem. Contudo, prossegue o periódico, quando questionado sobre quando teriam, então, sido tiradas as fotos, a fonte voltou atrás e disse que as imagens eram, de facto, de ontem, mas que tinham sido alteradas no Photoshop. "São de ontem, mas o Elton levava uma mala preta. Por isso, estas fotos foram alteradas", escreveu num email. Confrontado com mais pedidos de esclarecimento, o porta-voz não respondeu, concluiu o jornal.

Elton John anunciou o seu boicote à Dolce & Gabbana depois de Domenico Dolce ter criticado a fertilização in vitro, dizendo, em entrevista à revista italiana Panorama: "Nascemos para ter um pai e uma mãe. Pelo menos, deveria ser assim. É por isso que não estou convencido com aquilo a que eu chamo crianças químicas, bebés sintéticos".

Publicidade

O cantor, que tem dois filhos com o seu parceiro, David Furnish, que nasceram através da fertilização in vitro e barrigas de aluguer, respondeu furiosamente. "Como te atreves a referir-te às minhas lindas crianças como sintéticas?", escreveu no passado domingo. "Devias ter vergonha de apontar o dedo à fertilização in vitro, um milagre que permitiu que legiões de pessoas, hétero e homossexuais, cumprissem o seu desejo de ter filhos. O teu pensamento arcaico está fora de sintonia com os tempos, tal como as tuas roupas. Nunca mais vou usar Dolce & Gabbana #BoycottDolceGabbana", acrescentou.

A reacção de Elton John virou campanha nas redes sociais, com mais de 60 mil pessoas, entre elas celebridades como Victoria Beckham, a aderirem ao boicote à marca de luxo. #Moda #Famosos