Sabe quanto ganham os actores e actrizes da ficção nacional? Não se intrigue mas os valores oscilam entre os 6 mil e os 16 mil euros mensais e são repartidos pelas estrelas dos canais televisivos da SIC e da TVI. Assim, como as mais bem pagas temos duas mulheres a receber 16 mil euros por mês, Soraia Chaves e Alexandra Lencastre. Fora dos ecrãs desde o fim das gravações de Dancin Days, Soraia Chaves, que interpretou uma das protagonistas e recebia um dos maiores ordenados pago às estrelas portuguesas, tirou um ano sabático, passando-o a viajar.

Contudo, de acordo com a imprensa, a actriz vai regressar ao pequeno ecrã com uma proposta irrecusável.

Publicidade
Publicidade

Irá receber 20 mil euros mensais para interpretar a protagonista da nova novela da SIC, As Poderosas, de Patrícia Müller, autora de Rosa Fogo. Já Alexandra Lencastre, que fez sempre parte do elenco principal ou foi protagonista, integra agora a maior produção nacional da TVI, A Única Mulher.

Na categoria dos 15 mil euros temos também duas caras bem conhecidas do grande público, Fernanda Serrano e Margarida Vila-Nova, esta última vinda de Macau, onde vive há cerca de três anos, para protagonizar a novela líder de audiências em Portugal, Mar Salgado. A receber 12 mil euros por mês temos nomes como Margarida Marinho, Rogério Samora, Cláudia Vieira e Ricardo Pereira, estes dois últimos já se conhecem há muito tempo mas que só agora vão interpretar uma dupla romântica na novela do horário nobre da SIC.

Publicidade

Os dez mil euros por mês é a categoria onde se encontram a maior parte dos actores portugueses, destacando entre eles nomes como o de Diana Chaves e Luciana Abreu, que integraram o elenco de Sol de Inverno, e ainda Paulo Pires, José Fidalgo e Sofia Alves. Os actores da TVI Rita Pereira, Pedro Teixeira e Paula Lobo Antunes ficam-se pelos oito mil euros. Na categoria mais baixa, cerca de seis mil euros mensais, estão sobretudo os actores de uma geração mais jovem, entre eles destaque para Sara Matos, Victória Guerra, Joana Ribeiro e Lourenço Ortigão. #Televisão