O homem que vai substituir Jon Stewart no programa satírico The Daily Show não é nenhum tubarão da #Televisão norte-americana. É o sul-africano Trevor Noah, uma celebridade de 31 anos que participou apenas três vezes no programa da Comedy Central antes de ser anunciado como sucessor de Stewart. "Trevor Noah foi seleccionado para próximo apresentador do programa galardoado nos Emmy e Peabody", anunciou esta segunda-feira a presidente do canal da Viacom, Michele Ganeless. Não foi marcada uma data concreta para a estreia do novo formato, mas a empresa disse que "será anunciada mais tarde."

Noah é um comediante conhecido que fez a primeira aparição como colaborador no The Daily Show no ano passado, como se vê na imagem.

Publicidade
Publicidade

"Estou muito entusiasmado pelo programa e pelo Trevor", comentou Jon Stewart no comunicado da Comedy Central. "Ele é um comediante tremendo e um talento com o qual adorámos trabalhar... Na verdade, talvez eu regresse como correspondente só para participar nisto!!", brincou Stewart, que anunciou a sua saída em Fevereiro.

O novo apresentador é uma celebridade na África do Sul, tendo o seu próprio programa Tonight with Trevor Noah. Antes de participar no The Daily Show, Noah já tinha aparecido no Late Show with David Letterman, depois de se estrear na televisão norte-americana em 2012 no The Tonight Show with Jay Leno. Aliás, foi o primeiro comediante sul-africano a colaborar com os dois programas nocturnos.

Noah foi também a personagem central do documentário "You laugh but it's true", realizado por David Paul Meyer, que conta a história do comediante na África do Sul pós-apartheid - o regime de segregação racial que terminou em 1994, quando ele tinha dez anos.

Publicidade

"É uma honra suceder a Jon Stewart", admitiu Noah. "Ele e a equipa do The Daily Show criaram um programa incrível, cujo impacto é sentido em todo o mundo." No seu breve período de colaboração com o programa, diz, toda a gente o recebeu bem. O sul-africano actuou recentemente para a família real britânica no Royal Variety Performance e teve um espectáculo muito concorrido no festival Edinburgh Fringe em 2012, intitulado "O Racista."

Em Outubro de 2014, foi capa da GQ África do Sul e apareceu com destaque nas revistas Newsweek e Rolling Stone, além do Wall Street Journal e do canal CNN. "Trevor Noah é um talento enorme", elogiou a presidente da Comedy Central, Michele Ganeless. "Para o próximo apresentador do The Daily Show, queríamos encontrar uma voz fresca que possa falar para a nossa audiência com uma abordagem mordaz sobre os eventos do dia, e encontrámo-la no Trevor", acrescentou.