A reação da imprensa internacional não se fez esperar. Entre as críticas mais duras a Leonardo DiCaprio, estão "hipócrita" e "caiu a máscara". O ator de Hollywood é a nova vítima do ataque informático à Sony, que anteriormente já havia afetado outros nomes sonantes do cinema norte-americano, nomeadamente Angelina Jolie.

Segundo documentos revelados pela WikiLeaks, Leonardo DiCaprio, um defensor convicto do meio ambiente e ativista contra as alterações climáticas, viajou seis vezes de jato privado em apenas seis semanas, entre Nova Iorque e Los Angeles, duas cidades dos Estados Unidos da América (EUA). No entanto, o meio de transporte escolhido por DiCaprio deixa uma forte pegada ambiental, levando a imprensa internacional a referir-se ao ator como "hipócrita".

Publicidade
Publicidade

Ainda de acordo com as mensagens de correio eletrónico pirateadas e tornadas publicadas pela WikiLeaks, o custo total do transporte da estrela de filmes como 'A Origem', 'Titanic', 'Lobo de Wall Street' e 'Shutter Island', entre Abril e Maio de 2014, foi de 200 mil dólares, cerca de 185 mil euros.

Recorde-se que a Sony Pictures Entertainment foi alvo de um ataque pirata sem precedentes numa empresa do mesmo setor no final do ano passado. O ataque informático levou mesmo Barack Obama, presidente dos EUA, a intervir e a ponderar voltar a colocar a Coreia do Norte na lista de patrocinadores do terrorismo. Isto porque o ataque foi atribuído à Coreia do Norte, que sempre negou qualquer responsabilidade no sucedido, considerado pela Casa Branca como "cibervandalismo".

O ataque, reivindicado pelo grupo de piratas informáticos GOP ('Guardians of Peace'), divulgou alguns emails embaraçosos da Sony, tendo levado a que a produtora anulasse a estreia do filme 'Uma entrevista de loucos', uma comédia satírica com James Franco num dos papéis principais.

Publicidade

A trama desenrola-se em torno de um plano fictício da CIA para assassinar Kim Jong-un, líder da Coreia do Norte. Contudo, o filme acabou por ficar disponível online.

Mas as vítimas do ataque informático sucederam-se, e entre elas está Angelina Jolie. Entre as revelações estavam as opiniões de produtores e realizadores sobre a atriz e realizadora. "Uma fedelha mimada com talento mínimo", está entre as opiniões mais polémicas reveladas pelo ataque informático. #Famosos