O primeiro investimento da noite estava feito. Susana Sequeira, Tim Vieira e João Koehler investiram 40 000€ na empresa da Ana Malta e do Hugo Sequeira. No entanto, estava prometido um investimento total de 122 000€ para aquela noite. Quem foram os destinatários dos restantes 82 000€? Saiba tudo de seguida.

Maria Wurst

Maria Wurst é um negócio de street food que pretende combinar num pão o melhor de Portugal e da Alemanha. Impulsionado pelas amigas Katharina Kolln e Francisca Menezes, o negócio já facturou 22 000€ desde meados de Agosto, no entanto, com margens muito pequenas. Destes 22 000€ apenas 5000€ se transformaram em lucro.

Publicidade
Publicidade

Com base nestes números, os tubarões foram um a um negando a parceria com Katharina e Francisca. As amigas haviam pedido 40 000€ por 15% do seu negócio.

Impactrip

Seguiram-se o Diogo Areosa e Rita Marques para uma negociação relâmpago. Diogo e Rita têm um projecto de turismo solidário que permite aos seus clientes combinar férias com trabalho voluntário. Sem vendas feitas até ao momento, Diogo e Rita pediram 32 000€ em troca de 10% da Impactrip. A maioria dos tubarões considerou ser cedo para investir na ideia, no entanto, Susana Sequeira teve uma proposta para fazer. 32 000€ em serviços (em vez do dinheiro que havia sido pedido) por 10% da empresa. A ideia foi bem acolhida pelos dois empreendedores que acabaram mesmo por fechar negócio com a Susana.

Micro-bóia

José Carlos Vale foi o último a entrar no tanque.

Publicidade

José esteve por duas vezes à beira de morrer afogado e foram estes dois sustos que o inspiraram a criar uma micro-bóia que pode ser transportada junto ao corpo e insuflada em caso de necessidade. Para participar deste projecto, os tubarões teriam de entrar com 50 000€, em troca José cedia-lhes 25% do seu negócio. A ideia sensibilizou a totalidade dos tubarões, no entanto, Susana e Tim não se julgaram com conhecimentos suficientes para levar a ideia a bom porto, decidindo por isso não participar do negócio. No final, o negócio havia de ficar com Mário Ferreira, João Koehler e Miguel Ribeiro Ferreira. Os três juntos ofereceram 50 000€ por 75% do negócio de José Vale, que prontamente aceitou. #Negócios #Televisão