Nos últimos dias tem-se ouvido uma grande polémica em relação à existência de favoritismo e injustiça por parte de um site de entretenimento, o Portal Platina Line. Anselmo Ralph soube das recentes publicações e acusações, de Telma Lee e de várias outras estrelas angolanas, e resolveu dar uma entrevista à Revista Pop para explicar o seu ponto de vista do que se passou e responder a todas as celebridades. 

O cantor explicou que, embora possa ter havido um erro na publicação do Portal ao dar a entender que o concerto seria dos B4, o que importa é que a lotação esgotou. Explica a todos os que acusam o Portal de favoritismos que o mais importante é que a cultura angolana está a ser promovida e dois nomes de sucesso angolanos deram um concerto de arromba. Deixou um conselho a todos dizendo: "Esqueçam as vossas divergências, brigas e vamos colocar a cultura angolana acima dos nossos egos... O resto não interessa".

A grande polémica começou quando um organizador de eventos, Tri Chu, acusou o Portal Platina Line de favorecer o grupo B4 no concerto em que Anselmo Ralph seria o cabeça de cartaz, na semana passada, na queima das fitas do Porto. O portal terá efectuado a publicação de um vídeo com o grupo, mas a percepção do mesmo daria a entender que o concerto seria exclusivamente dos B4, dando uma ideia errónea do verdadeiro espectáculo. No artigo publicado pelo portal Platina Line pôde ver-se nos dias seguintes a frase "O show dos B4 na cidade do Porto esgotou a lotação, um verdadeiro sucesso".

Quando se deparou com a situação, Tri Chu apresentou publicamente o seu desagrado e, através de uma rede social, referiu que o portal estaria com algum favoritismo entre as celebridades angolanas, favorecendo bastante algumas e "queimando a imagem" de outras. A cantora Telma Lee quando soube das acusações de Tri Chu resolveu desabafar pelo Instagram que o Portal também a estaria a prejudicar, alegando que, inclusivamente, o seu acesso ao mesmo estaria bloqueado, pensando que estaria banida. #Famosos #Música