A RTP, canal público, garantiu a transmissão da próxima final da Taça de Portugal, agendada para o último dia deste mês de Maio, podendo ser vista em diversos canais, como a RTP 1, Internacional, África e Internet. Ou seja, a aposta nos conteúdos de #Futebol sai, assim, reforçada, até porque o canal do Estado irá exibir, igualmente, a Supertaça de Portugal a 9 de Agosto, no primeiro canal e nas plataformas internacionais. Por outro lado, a participação de Portugal no Campeonato da Europa de futebol, para selecções de Sub-21, pode ser vista na RTP, entre 17 e 30 de Junho.

Serão transmitidos três #Jogos da fase de grupos, a meia-final, se Portugal atingir esta eliminatória, e a final, mesmo que a Selecção Nacional não a dispute. Mais uma vez, a #Televisão da Marechal Gomes da Costa ganhou a luta com a TVI pela compra de direitos de transmissão de partidas do desporto-rei.A aquisição dos direitos de transmissão dos encontros da Liga dos Campeões, por 15 milhões de euros, após ultrapassar a proposta da TVI, ditou a queda do Conselho de Administração liderado por Alberto da Ponte, mas a RTP continua a investir na exibição de jogos de futebol.

Os custos com a divulgação da final da Taça de Portugal, Supertaça e Europeu de Sub-21 são inferiores, comparando com os direitos da "Champions", mas o potencial de receitas e de audiências da prova mais importante entre equipas europeias é incomparavelmente superior. Segundo perspectivou Alberto da Ponte, o canal do Estado pode encaixar com a Liga dos Campeões 5,8 milhões de euros por ano. Apesar disso, o Conselho Geral Independente propôs a sua destituição, aprovada pelo Governo de Passos Coelho.

Na comunicação social, gerou-se, mais uma vez, a eterna questão de o futebol pertencer, ou não, aos interesses do Serviço Público e se a RTP deveria, ou não, lutar com as televisões privadas neste âmbito pela liderança nas audiências, arriscando custos elevados, embora com potencial alto de receitas, como no caso dos jogos da Liga dos Campeões.