Camilla Parker Bowles, duquesa da Cornualha e atual esposa do príncipe Carlos da Inglaterra, tem subido de popularidade, segundo a sondagem de 9 de abril de 2015, que revela que 50% dos ingleses atualmente defendem que deverá ser a próxima rainha no dia em que o príncipe Carlos subir ao trono. Tal é o resultado de uma longa e discreta batalha, em que Camilla conseguiu finalmente a aceitação da rainha Isabel II, dos filhos de Carlos e dos ingleses. Carlos e Camilla apaixonaram-se na juventude, mas a rainha Isabel II nunca aprovou o namoro, preferindo a filha do conde Spencer, Diana, catorze anos mais nova, virgem e recatada. Sem se conseguir impor à sua mãe e à tradição, Carlos e Diana protagonizaram o casamento do século, mas o príncipe não conseguiu afastar-se e Camilla tornou-se sua amante pouco tempo depois, escândalo que ficou conhecido por Camillagate, com a princesa Diana a apelidá-la de rotweiller.

Publicidade
Publicidade

Mais velha, pouco atraente e mesmo descuidada na sua aparência, Camilla contrastava com a linda, elegante e simpática" Princesa do povo", cujos índices de popularidade eram bastante elevados. Mesmo após a morte desta e do seu casamento com o herdeiro do trono britânico em 9 de abril de 2005, em que se tornou duquesa da Cornualha e segunda figura feminina no protocolo a seguir à rainha, Camilla deveria permanecer apenas como duquesa e consorte caso Carlos se tornasse rei, situação que é agora contrariada pela presente sondagem.

Um fato é que, sendo radicalmente diferente da sua antecessora, que sempre se colocou no papel de vitima da família real e do desinteresse do marido (lembre-se a fotografia nostálgica que tirou sozinha junto do Taj Mahal na Índia), Camilla tem-se demonstrado forte, enérgica e despreocupada com a opinião geral.

Publicidade

Juntamente com Carlos, que é hoje, aos 66 anos, um homem mais risonho e descontraído, o casal tem representado o país no estrangeiro e apoiado causas, sempre demonstrando cumplicidade e boa disposição. Camilla é também hoje uma mulher mais sofisticada do que na sua juventude. Todos estes fatores têm contribuído para melhorar a sua imagem na opinião inglesa e mundial. #Famosos #Personalidades