Dolores Aveiro, mãe do jogador da selecção nacional e do Real Madrid, #Cristiano Ronaldo, faz hoje manchete de alguns jornais. As publicações afirmam que no passado mês de Maio ficou retida no aeroporto de Madrid por transportar 55 mil euros na carteira. Este valor excede os 10 mil euros permitidos legalmente. Dolores não foi detida, mas terá de pagar uma multa por transportar um valor tão elevado sem justificação da sua proveniência.

Ao que tudo indica, as autoridades da Guarda Civil do Aeroporto de Barajas terão impedido a mãe de Cristiano Ronaldo, Dolores Aveiro, de embarcar com destino a Portugal com uma carteira onde transportava 55 mil euros, 45 mil euros a mais do que os 10 mil permitidos legalmente.

Publicidade
Publicidade

A mãe do CR7 foi incapaz de justificar a origem do dinheiro, motivo pelo qual foi obrigada a deixar 45 mil euros em Espanha. Esse valor ficará confiscado pelas autoridades até que Dolores consiga justificar a sua proveniência.

Segundo a legislação espanhola, não constitui um delito esta tentativa de saída do país com uma quantia acima do permitido. Trata-se sim de falha administrativa, motivo pelo qual Dolores Aveiro não ficou detida. A mãe de Cristiano Ronaldo terá agora de pagar uma multa pelo desrespeito da lei contra o branqueamento de capitais antes de poder reaver os restantes 45 mil euros que transportava na carteira.

De acordo com o jornal espanhol El Mundo, este caso não indicia qualquer vontade explicita de branqueamento de capital e evasão fiscal, mas sim um total desconhecimento da lei espanhola sobre esta matéria pela mãe de Cristiano Ronaldo.

Publicidade

Cristiano Ronaldo não reage

Ainda não houve qualquer reacção da parte de Cristiano Ronaldo a estas notícias. O jogador do Real Madrid continua de férias em Saint-Tropez onde tem sido muitas vezes notícia e não pelas melhores razões. O craque já fez um pedido através de um vídeo publicado nas redes sociais para o deixarem em paz e para se concentrarem naquilo que ele faz de melhor, que é jogar futebol ao mais alto nível ano após ano. #Famosos