"A revista é da Cristina mas a capa é minha", descreveu Ricardo Quaresma, ao publicar a próxima capa da revista de Cristina Ferreira no seu novo blogue e no Facebook. O espanto é que o futebolista aparece completamente nu, apenas com um quadro com a foto da apresentadora a tapar os genitais.

A foto foi publicada na terça-feira à noite na página de Facebook do jogador, que tem perto de 2,5 milhões de "gostos", e uma hora depois já tinha mais de 1260 partilhas e 12500 "gostos", incluindo o da própria Cristina Ferreira. As reacções dos fãs do jogador do F.C. Porto foram da incredulidade aos elogios à sua boa forma ou à sua coragem para aparecer assim, numa sessão fotográfica no mínimo ousada.

Publicidade
Publicidade

Outros traçaram de imediato um paralelo com a controversa capa do cantor José Cid em 1994, para a qual posou totalmente nu apenas com um disco de ouro a tapar as partes íntimas. A polémica que estalou na altura não inibiu o autor de "Vem viver a vida amor", que há pouco tempo afirmou que voltaria a posar nu para uma revista. Curiosamente, Morrissey fez o mesmo recentemente, para a capa de um single, aparecendo de pé apenas tapado com um disco de vinyl. 

O futebolista segue agora um caminho semelhante, mostrando o corpo com várias tatuagens, cabelo bem curto e expressão enigmática no rosto. "Quaresma sem camisola" é o único título que se lê na capa da edição de Junho da revista Cristina. "No dia em que a selecção se reúne, a Cristina tem um capitão," escreveu a apresentadora no seu site, promovendo a edição.

Publicidade

"Sábado tem o Quaresma nas mãos."

No seu blogue renovado, Quaresma indicou que a entrevista decorreu no Porto e foi conduzida pela própria Cristina Ferreira. "Muito profissional, tanto ela como a sua equipa e também muito divertida o que fez com que o clima fosse de total descontração", partilhou o jogador na publicação. A sessão fotográfica foi feita alguns dias depois, e Quaresma arrisca que os seus fãs "vão gostar do resultado final." Pede ainda que reajam e lhe digam o que acharam da produção.

O lançamento acontece após o final da época 2014/2015 (em que o F.C. Porto não conseguiu arrecadar títulos nacionais) e os jogadores seguem agora para um período de férias. A produção é ousada, precisamente aquilo de que Cristina Ferreira precisa para o seu projecto na revista – que começou logo com percalços: em Março, teve de deixar o cargo de directora por não possuir carteira de jornalista e exercer funções não compatíveis com a profissão.  #Moda #Futebol