A cantora Ariana Grande recorreu à sua página oficial para se insurgir contra uma comunicação social mais machista, assente num tratamento muito diferente entre homens e mulheres. A cantora norte-americana mostra-se indignada com as constantes referências enquanto ex-namorada de Big Sean ou a possível namorada de Niall Horan, preferindo ser conhecida, apenas, como Ariana Grande. Para já, a cantora sabe que tem todo o apoio da amiga Taylor Swift. A bonita loira recorreu ao Twitter para mostrar orgulho por Ariana.

"Estou cansada de viver num mundo onde as mulheres são referenciadas como o passado, presente ou futura propriedade/possessão dos homens", disse Ariana em comunicado, antes de concluir o ponto de vista: "Eu não pertenço a ninguém, mas apenas a mim mesma".

Publicidade
Publicidade

Ariana Grande tem sido relacionada com vários possíveis namorados. Depois de terminada a relação com o cantor Big Sean, em Abril, a jovem intérprete de "Bang Bang" tem visto o nome associado a alguns homens. O último dos quais foi Niall Horan, o cantor dos One Direction, com quem Ariana privou recentemente, em Londres.

Aí foi culpa própria da cantora. Apesar de ter sido vista a sair com o britânico e a sair da casa deste já de manhã, foi mesmo a jovem norte-americana a confirmar o "flirt". Em declarações recentes, Ariana Grande considerou o jovem cantor "muito simpático" e que teve uma noite "muito divertida" com Niall Horan.

Mais tarde, a princesa da pop sentiu necessidade de se exprimir na sua página oficial, isto depois de há umas semanas atrás, ter causado alguma polémica numas declarações ao jornal "The Sun": "Uma mulher pode ser amiga de um homem, e não ter sexo com ele.

Publicidade

Vivemos num mundo horroroso, com mentes muito retrógradas".

Agora, manteve a mesma toada afirmando que as mulheres são descriminadas no tratamento, relativamente aos comportamentos sexuais. Ariana considera que uma mulher, que faça sexo ou que simplesmente saia com amigos do género masculino, é insultada pela sociedade e, se for um homem numa situação análoga, é considerado um Rei. "Mal posso esperar por viver num mundo onde as pessoas sejam valorizadas não pela pessoa que tenham ao seu lado, mas pelo seu valor individual", concluiu a declaração a cantora de "Love Me Harder".

As reacções não tardaram e a jovem está a ser muito apoiada nas redes sociais. A grande amiga Taylor Swift não tardou em elogiar Ariana: "Estou tão orgulhosa de ti, sempre. Mas mais hoje", escreveu a intérprete de "Blanket Space" no Twitter, numa mensagem endereçada a Ariana, mas replicada por milhares de fãs.

Que pensam disto? Acham que existe mesmo este pensamento machista de que Ariana se queixa? Deixem as vossas opiniões! #Famosos #Música