A 2.ª temporada de True Detective estreia este domingo, 21 de junho, com um elenco de luxo. Colin Farrell, Rachel McAdams e Taylor Kitsch interpretam três polícias que vão trabalhar juntos na investigação do assassinato de um burocrata corrupto. Do outro lado da lei, está Vince Vaughn que procura ganhar milhões de dólares num negócio de transportes públicos. Quem ainda não assistiu à primeira temporada desta brilhante série da HBO, com Matthew McConaughey e Woody Harrelson, poderá saltar diretamente para esta nova temporada, uma vez que as histórias são completamente independentes: a nova temporada tem um elenco novo, localização e história.

De acordo com Colin Farrell, os espetadores poderão contar com "mudança" na 2.ª temporada. "A segunda temporada é diferente, sem dúvida", disse o ator numa entrevista ao E! News, no Maui Film Festival, onde recebeu um prémio. "Há uma semelhança e um certo tom (...) que é o reflexo do tom do primeiro ano e a sensibilidade, que é a mesma. Mas as personagens são muito diferentes, a estética é muito diferente, o ritmo é muito diferente", disse o ator.

Claro que isto não significa que os novos episódios de True Detective consistam numa série totalmente nova. "Algumas das crises existenciais com que as personagens têm que lidar são fundamentalmente os mesmos problemas, algumas das mesmas preocupações humanas", disse Farrell. "O primeiro ano foi tão bom, tão bom. Nic [Pizzolatto], o argumentista e criador, que escreveu a primeira e a segunda temporada, ele sempre pretendeu que fosse uma antologia e que cada temporada funcionasse sozinha. Por isso, esperançosamente, as pessoas vão aceitar que seja diferente e vão estar abertas a que seja um novo sopro de vida", concluiu o ator irlandês.

Durante o festival, Colin Farrell falou também da sua personagem. "Ele é alguém, tal como muitos de nós na vida, que está a lutar com eventos que aconteceram no passado e está a tentar ultrapassá-los, mas está preso nesse ciclo contínuo de comportamento do qual não consegue sair. Eu acho que, fundamentalmente, ele é um homem bom que fez algumas escolhas muito más", revelou o ator. #Famosos #Televisão #Séries