Liam Payne ficou comovido com todo o talento do seu amigo Harry Styles. Em entrevista à estação de rádio “Beats 1 Radio Show”, o cantor dos #One Direction revelou que este é o álbum preferido do grupo, pois os cantores tiveram finalmente total liberdade na composição dos seus temas. Liam confessou mesmo que, numa música escrita por Harry Styles, chegou a chorar no estúdio com a interpretação do seu amigo. O nome da música em questão ainda é desconhecido e só será mesmo descoberto depois de 13 de novembro, data oficial do lançamento de “Made in A.M.”.

Harry Styles já fez chorar milhares de “directioners" com a sua presença, mas agora também conseguiu comover um dos seus companheiros dos One Direction somente com a sua voz e interpretação.

Publicidade
Publicidade

Numa revelação surpreendente, Liam Payne falou abertamente sobre os momentos emotivos que se viveram durante os meses de gravação do quinto álbum de originais da banda, o primeiro sem a colaboração de Zayn Malik.

“A música do Harry foi muito emocional para mim, não consegui conter-me. Eu cheguei a chorar enquanto ele estava a actuar no estúdio de gravações. Definitivamente, nós todos adoramos este álbum, porque todos conseguimos escrever as músicas que estão presentes. Por isso é que este é especial e o melhor para nós. Cada um teve uma participação activa na criação e composição dos temas”, revelou sem rodeios Liam Payne à estação de rádio “Beats 1 Radio Show”, falando abertamente sobre o que os “directioners” podem esperar deste novo projecto.

A poucos meses de fazerem uma enorme pausa, os One Direction pretendem agora arrasar nos seus concertos até o dia 31 de outubro, para que em novembro se possam focar totalmente no seu novo álbum e em todas as obrigações promocionais que disso advêm.

Publicidade

Segundo a imprensa internacional, a banda não vai mesmo fazer uma digressão de apresentação de “Made in the A.M.”, pelo que os seus milhões de fãs apenas se podem contentar, na ausência prolongada dos seus ídolos, em ouvir as novas músicas, as mais pessoais da história da banda, até que estes voltem a reunir-se, tal como Louis Tomlinson prometeu. #Famosos