Justin Bieber comparou a sua vida à de Amy Winehouse, depois de ver o documentário sobre a vida da cantora durante uma viagem de avião. Em entrevista ao canal “NME”, o cantor canadiano conseguiu rever-se no sofrimento e nos vícios que a jovem cantora, que morreu por overdose aos 27 anos de idade, sofreu durante os vários anos em que esteve na ribalta. #Justin Bieber confessou que não conseguiu controlar as lágrimas, porque conseguiu sentir na pele o mesmo que Amy Winehouse teve que enfrentar, mas, ao contrário do canadiano, ela nunca conseguiu recuperar.

“Eu sinto-me constantemente só. As pessoas só gostam de olhar para tudo o que tenho, o meu dinheiro, o que conquistei, mas nunca olham para o lado negro das coisas.

Publicidade
Publicidade

Eu sinceramente sinto-me isolado quando estou no hotel ou quando estou constantemente a fugir dos paparazzi. Eu não desejo isto a ninguém, ao contrário do que as pessoas podem pensar. Eu vi recentemente o documentário da Amy no avião e chorei muito. As pessoas nem têm noção do que é estar num buraco tão grande e estar constantemente a ser gozado por isso, eu atravessei exactamente o mesmo”, confessou Justin Bieber à “NME”, sem qualquer tipo de rodeios.

De facto, nos últimos anos Justin Bieber atravessou uma fase um pouco semelhante à de Amy Winehouse, que estava constantemente a fumar drogas ou então a embriagar-se. Porém, ao contrário da inglesa, que nunca conseguiu dar a volta por cima, falecendo muito jovem devido às suas más escolhas e companhias, Justin quer provar que é possível um artista de sucesso sair do enorme buraco dos vícios e voltar a ser bem-sucedido.

Publicidade

Desde que prometeu à sua família, fãs e amigos que iria finalmente deixar a sua má vida, nos últimos meses o cantor tem conseguido realizar um dos maiores regressos da história da música pop, tendo já conseguido voltar ao topo depois de dois anos sem compor, muito por causa dos seus vícios. Apesar de desejar todo o sucesso musical que Amy Winehouse conseguiu conquistar em pouco tempo, Justin Bieber certamente não quer ter os mesmo problemas pessoais da cantora. Porém, não teve problemas em confessar publicamente que no passado viveu os mesmos problemas da sua falecida colega de profissão. #Famosos