#Justin Bieber está completamente desolado com a notícia de que o seu amigo e membro da sua editora, Thomas Ayad, morreu durante os atentados em Paris na última sexta-feira, dia 13 de novembro. Segundo avança o jornal “Correio da Manhã”, Justin Bieber deixou uma mensagem triste no seu “Twitter” em homenagem ao seu bom amigo, que tão bons momentos protagonizou ao seu lado. Claramente em baixo, Justin deixou um recado muito especial para os seus milhões de seguidores. “Aproveitem ao máximo o tempo que passam com as pessoas de quem mais gostam enquanto estão entre nós”, escreveu o artista, emocionado.

Numa altura em que Justin Bieber está a atravessar um dos melhores momentos da sua carreira, em que se encontra no topo das tabelas de vendas à frente dos One Direction, a morte do elemento da sua editora, que assistia ao concerto no Bataclan, deixou muito em baixo o cantor, que não deixou passar este momento dramático da sua vida sem deixar uma mensagem muito pessoal a todos os “beliebers”, que rapidamente deixaram todo o apoio ao seu ídolo.

Publicidade
Publicidade

“Eu continuo a pensar em tudo o que aconteceu em Paris e também no meu grande amigo Thomas, que infelizmente foi vítima desta tragédia. Eu sinceramente gostava muito que tivéssemos tido mais tempo juntos, mas infelizmente o tempo nem sempre o permite. Não deixem nunca de tratar bem quem está ao vosso lado; num instante essa pessoa pode deixar-nos. Todos gostamos muito de ti e vamos sentir muito a tua falta”, escreveu Justin Bieber nas redes sociais, mostrando-se claramente arrependido por não ter convivido mais com o seu editor.

Recorde-se que nos atentados de Paris pelo menos 130 pessoas perderam a vida, depois de uma série de membros do Estado Islâmico terem atacado vários pontos da cidade com armas e bombas. Como tantas outras famílias e amigos, Justin Bieber também sofreu directamente com este massacre, tentando ao máximo aprender uma lição com esta verdadeira tragédia.

Publicidade

Nos últimos dias, o cantor tem feito questão de rezar durante vários minutos durante os seus concertos nos Estados Unidos.

 

  #Famosos