Niall Horan já tinha #Selena Gomez em mente há muito tempo. Segundo informa o site “Hollywood Life”, o que aconteceu na festa da passada sexta-feira, dia 4 de dezembro, foi como o concretizar de um objectivo para o irlandês dos #One Direction, que foi visto a beijar durante toda a noite a cantora. Para chegar até Selena Gomez, Niall Horan pode ter usado a amizade que tinha com Justin Bieber e que, pelo menos até há uns dias, parecia completamente genuína, de tal forma que o canadiano tinha o artista como um dos poucos amigos de confiança.

“O Niall tem uma obsessão por Selena há vários meses, mesmo até anos. Mas ela estava com o Justin e nessa fase ele sempre quis ser amigo dela.

Publicidade
Publicidade

Mas na verdade esta paixoneta nunca desapareceu e o Niall viu agora uma oportunidade para se aproximar da Selena e conseguiu. Ele não se importa de fazer as coisas que a Selena quer fazer, incluindo ter jantares com a sua família”, confessou uma fonte próxima ao novo casal ao site “Hollywood Life”.

Apesar de Niall Horan ter estado interessado em Selena Gomez há muito tempo, #Justin Bieber nunca se terá apercebido das reais intenções do cantor dos One Direction, tendo sido completamente apanhado de surpresa quando na passada sexta-feira, ao mesmo tempo que milhões de fãs dos artistas, teve conhecimento do envolvimento de Niall e Selena durante uma festa.

Sem saber como reagir a esta dupla traição, Justin Bieber, poucas horas depois de saber do envolvimento, publicou no seu Instagram oficial uma fotografia de mãos dadas com Selena Gomez, comportamento esse que pode revelar um completo desespero por parte do cantor, ou então o virar de página de uma fase muito conturbada e instável do jovem artista, que iniciou há poucas semanas a sua grande digressão mundial, que promete ocupá-lo nos próximos 5 a 6 meses.

Publicidade

O que acham desta revelação acerca da obsessão de Niall Horan? Pensam que o que ele fez ao Justin é correcto, aproximando-se da amada do seu melhor amigo nas suas costas? Deixem os vossos comentários em baixo.