A série chama-se "Family Guy" e é uma série de animação para "adultos" transmitida pela Fox News. A série é composta por personagens caricaturais de uma mãe, Peter (um pai obeso e desleixado), 3 crianças e um cão que fala e diz obscenidades. O objectivo da série é a sátira e crítica social ao modo de vida americano, principalmente aos viciados na cultura de entretenimento.

Um episódio desta série antecipou e previu a morte do juiz Scalia (o juiz do Supremo Tribunal norte-americano, que foi encontrado recentemente morto com uma almofada no rosto e a quem não foi feita autópsia, por ter sido declarada, sem qualquer prova, causa de morte natural).

Publicidade
Publicidade

O vídeo está a ser divulgado no YouTube.

Os cartoons da "Family Guy" enquadram-se no mesmo segmento de expressão e de público dos Simpsons. Destina-se a classes letradas, com conhecimentos de factos e actualização social. Tal como nos Simpsons, a série Family Guy desenrola sequências de acontecimentos da vida quotidiana de uma família "disfuncional", de classe baixa, na sua domesticidade e comunidade local.

Mas o ainda mais curioso é que episódios da Family Guy, criada por Seth MacFarlane, têm antecipado outros factos e ocorrências da cultura ocidental. O mais evidente desta actividade predictiva foi a antecipação da morte do popular actor Robin Williams em 2014. Um episódio desta série transmitia uma caricatura do actor Robin Williams em que este se iria suicidar depois de uma série de acontecimentos recambolescos; o facto é que meia hora depois de a série terminar, foi anunciado pela BBC que o actor Robin Williams se tinha realmente suicidado.

Publicidade

A evidência circulou viralmente na internet e espantou o público.

Actualmente, arrojados pesquisadores e anónimos utilizadores da internet concluíram também que a série Family Guy tinha também previsto outros factos da cultura ocidental: as bombas na Maratona de Boston em 2013; corpos a caírem das janelas das Torres Gémeras no 11 de Setembro; os ataques terroristas de Londres num autocarro em 7 de Julho de 2005 e, recentemente, o popular caso de Bruce Jenner, que se tornou transsexual. Estas conclusões são apresentadas detalhadamente em diversos documentos vídeo no YouTube. E quem quiser aprofundar o assunto no YouTube, pode pesquisar o assunto por “family guy coincidences”.

Como é possível aceitar facilmente que uma série de televisão antecipe factos sociais graves, como o assassinato, suicídio e ataques terroristas, antes de eles acontecerem? Serão coincidências? Você decide. #Séries #Curiosidades #EUA