Enquanto o resultado da autópsia ainda não é oficial, muito se tem falado sobre os últimos dias de Prince. Apesar de não existirem dados concretos, novas informações avançam com a hipótese de que uma overdose foi o que levou à morte do músico.

O Washington Post avançou com a notícia de que a pessoa que ligou para o 112 a avisar da morte do cantor foi um médico, que se tinha deslocado a sua casa para discutir com a estrela um tratamento para a dependência das drogas.

Segundo o mesmo jornal, é avançada a informação que Howard Kornfeld, médico da Carolina do Norte especializado na dependência de opiáceos, foi contactado pela equipa de Prince, que se encontrava preocupada com o cantor.

Publicidade
Publicidade

O contacto foi feito a 20 de abril e pedia ajuda imediata. Porém, a urgência da situação e a dificuldade do médico em responder levaram a que o próprio colocasse esta tarefa nas mãos do filho Andrew Kornfel. A ideia seria definir um plano de tratamento para o músico, porém, assim que o médico chegou a Paisley Park, na manhã seguinte, descobriu a casa vazia, o que o levou a contactar a equipa de Prince que minutos mais tarde estava no local. Perante o choque de verem Prince morto no elevador, ninguém conseguiu ligar para as autoridades, ficando Andrew Kornfel com esta responsabilidade.

Sheila E, baterista e colaboradora de longa data, revelou ainda que Prince sofria de dores crónicas no joelho e na anca, mas recusava os tratamentos pois iam contra a sua convicção religiosa. Relatos afirmam que, no dia 14 de abril, o músico fez um teste de som e tudo aparentava estar bem, porém nessa mesma noite o avião em que o cantor seguia foi obrigado a parar, pois o músico tinha caído inconsciente.

Publicidade

Prince foi depois levado para o hospital onde foi tratado com uma injeção de Narcan, usado para tratar overdoses de opiáceos.

Apesar dos incidentes anteriores à sua morte, e da preocupação da sua equipa, o cantor de Purple Rain mantinha a sua rotina, assistia a concertos, comprava discos, e foi até mesmo visto a andar de bicicleta dias antes da sua morte. #Famosos