Um jovem de 26 anos perdeu a vida num Acidente de automóvel. A tragédia deu-se quando o jovem regressava a casa, sozinho, após um dia de trabalho numa serralharia, na passada quinta-feira. A vítima despistou-se na estrada municipal 540, em Cervães, Vila Verde. O carro terá capotado várias vezes, percorrendo, descontrolado, vários metros. Quando os Bombeiros chegaram ao local do acidente o jovem já se encontrava sem vida.

Foi um fim de tarde trágico em Vila Verde.

Citada pelo Jornal de Notícias, uma mulher que presenciou o acidente ainda recorda em choque o momento: "Estava à porta de casa, a fazer um trabalho com um colega, quando o carro passou e ouvi uma travagem.

Começou a capotar e só parou no meio do monte. Aproximei-me do jovem e estava com um grande arranhão na cabeça. Percebemos logo que estava morto. Pelo tombo que vimos não era para menos".

O relato foi feito por Teresa Pinheiro, que terá ligado, de imediato, para a linha de emergência. Os Bombeiros Voluntários de Vila Verde não tardaram em chegar para a assistência, mas já encontraram a vítima sem vida. A operação de desencarceramento ainda demorou, mas já não havia nada a fazer por Filipe Oliveira. Após o desencarceramento, a vítima foi transportada para o Instituto de Medicina Legal do Hospital de Braga e a GNR de Prado está a investigar o acidente, do qual ainda se desconhecem as causas.

O jovem dirigia-se para casa, onde residia com os pais, em Parada de Gatim, após um dia de trabalho na serralharia, onde trabalhava há já mais de cinco anos.

Os melhores vídeos do dia

Segundo informa o Jornal de Notícias, Filipe Oliveira trabalhava na serralharia de um cunhado, situada no parque industrial de Oleiros, muito perto do local do acidente onde acabou por perder a vida.

Familiares e amigos ficaram naturalmente chocados com o acidente fatal do jovem, que fazia este percurso diariamente. "Era muito calmo e porreiro", contou um amigo, muito emocionado, em declarações ao Jornal de Notícias, sobre Filipe Oliveira, a vítima de mais um acidente de viação nas estradas portuguesas.