Perante o que considera ser uma “reiterada falta de civismo” que se traduz no estacionamento abusivo, a Associação de Cidadãos de Esposende avançou com medidas de sensibilização. A primeira ação foi realizada no passado domingo dia 28, na Apúlia, e considerada um sucesso pela organização.

O local escolhido foi a zona dos moinhos, conhecida pelo estacionamento abusivo e que recentemente foi palco de graves situações, onde carrinhos de bebé e pessoas de cadeira de rodas se viram impossibilitados de circular.

O que seria mais um domingo de caos afinal ficou num dia de tranquilidade e sossego para os veraneantes e para a população local.

Medidas de sensibilização

Logo cedo, às oito horas da manhã, a equipa da Associação Cidadãos de Esposende estava no local, munida de coletes indentificadores e de muita vontade para iniciar o que seria um dia de sensibilização ímpar no distrito. Durante várias horas, a equipa da Associação de Cidadãos de Esposende sensibilizou os condutores que de forma pacífica e consciente deslocaram as suas viaturas para os parques de estacionamento próximos.

A ação de proximidade com os condutores permitiu que lhes fosse explicada a razão de estarem no local, fazendo ver que dias antes pessoas em cadeiras de rodas tiveram de pedir ajudar para poder circular no espaço que lhes está destinado, o passeio.

Foram vários os condutores que mostraram inclusive a disponibilidade para colaborar em futuras ações e mostrando-se surpreendidos pelo impacto que uma viatura poder ter quando mal estacionada.

Localmente, a ação foi muito bem recebida, segundo a organização. Vários populares presenciaram de perto a ação para manifestar o seu apoio e deixaram vários elogios à equipa da Associação.

A ação acabou por ter efeitos para lá do próprio dia, sendo que não existem ainda registos de estacionamento abusivo nessa zona.

É visível no local uma acalmia onde os veraneantes podem usufruir da ciclovia e dos passeios tranquilamente – fruto de uma intervenção pacifica e de proximidade com os condutores.

Resultados positivos

Esta forma de “atacar” o estacionamento abusivo parece assim ter dado provas de sucesso. Para os responsáveis da Associação, a missão foi cumprida: “Optámos por sensibilizar, os condutores entenderam e deslocaram as viaturas para os locais habilitados ao estacionamento”.

A Associação Cidadãos de Esposende já manifestou publicamente a sua disponibilidade em actuar noutros locais do concelho sempre que tal seja necessário.

Para os responsáveis da Associação, situações como as da zona de moinhos na Apúlia são inaceitáveis. "Da nossa parte, podem ter uma garantia estaremos sempre disponíveis para actuar na defesa dos interesses da população, não vamos deixar que o estacionamento abusivo tome conta do concelho".

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo