5

A empresa de Entretenimento UAU continua a apostar em grandes produções. Desta vez traz a Portugal "Todos os Musicais de Chico Buarque em 90 Minutos". O espetáculo é realizado pela dupla brasileira Charles Möeller e Cláudio Botelho, que tinham trazido ao nosso país. há dez anos, o grande sucesso "Ópera do Malandro". O musical teve lugar no Coliseu do Porto nos dias 8 e 9 de Março e no Campo Pequeno em Lisboa nos dias 11 e 12 de Março.

"Todos os Musicais de Chico Buarque em 90 Minutos" estreou no Brasil em 2014 enquanto espectáculo oficial do aniversário do cantor. Com 70 anos feitos em Junho e 50 anos de carreira, Chico Buarque juntou-se a Möeller e Botelho e apresentou um show musical a partir dos clássicos do seu trabalho.

Todas as personagens, tramas e textos foram inspirados nas suas canções. O musical conta a história de uma companhia de Teatro dirigida por um casal de artistas. Relatam através das músicas os seus sucessos, encontros e desencontros, tristezas e alegrias, traições e reconciliações, solidão.

O nome do espetáculo leva-nos a pensar que vai durar 90 minutos, mas não. Em tom de brincadeira, o "dono da companhia de teatro" compara o musical a um jogo de futebol e anuncia que também pode ter prolongamento. O público teve direito a "viver" aquela trama, a cantar os sucessos e a rir com as brincadeiras durante 1 hora e 30 minutos sem intervalo.

A peça distingue-se pela forma subtil, ainda que direta e descontraída, de abordar a homossexualidade tanto feminina como masculina, ao envolver atores do mesmo sexo em cenas românticas.

Os melhores vídeos do dia

Fizeram parte do musical temas como 'Strip como Mãos de Mim', 'Geni E O Zepelin', 'Tatuagem', 'Palavra De Mulher', 'Teresinha'  'Pedaço de mim', 'Basta Um Dia', 'Sem fantasia' e 'Ciranda da Bailarina', entre outros sucessos bastante conhecidos pelo público presente.

"Todos os Musicais de Chico Buarque em 90 Minutos": uma encenação de sucesso interpretada por um elenco de elevada qualidade, e uma banda de luxo que se apresentava por trás do cenário.