É mais uma super descoberta. Num artigo publicado na revista Nature, foram reveladas novidades sobre o incrível ritual neandertal descoberto em 1990 na gruta de Bruniquel (localizada no Sul de França). Centenas de estalagmites foram arrancadas do chão da caverna pelo Homem de Neandertal para se construirem complexas estruturas circulares. Têm a bela idade de 176.500 anos, o que significa que este legadosurgiu muito antes de os humanos modernos chegarem aocontinente euro-asiático.

Este património deixado pelo Homem de Neandertal é tão grande que muitos dos seus grandes tesouros estão a grande distânciada entrada da grutas, o que sugere que foi exaustivamente explorado e, provavelmente, habitado durantealgum período de tempo.

Estes trabalhos deixados pelo Homem de Neandertal chegaram em boas condições aos nossos dias. Osarqueólogos dizem que não há dúvida de que as estruturas foram criadas deliberadamente por seres humanos.

Marcas de queimaduras em 400 pedras mostram que foi produzido fogodentro das estruturas. Numa zona da gruta também foram encontrados ossos queimados. Os ossos poderiam significar que aquele espaço específico onde foram achados poderia serum lugar de festa, mas a sua localização de difícil alcance sugere uma utilização mais simbólica.

O que torna este local tão extraordinário não é apenas a sua idade avançada, mas também a certeza de queo Homem de Neandertal tinha uma cultura que ainda não tinha tido influência de humanos modernos. Esta estrutura representa assim oNeandertal 'puro'. Suporta a teoria de que a cultura humana e o simbolismo surgiram em diferentes populações em todo o mundo, ao longo dos últimos 200 mil anos.

Marie Soressi, arqueóloga da Universidade de Leiden, em declarações ao jornal inglês The Guardian, considerou que existem "cada vez mais certezasque as habilidades e as capacidades do Homem de Neandertal não são muito diferentesdoshumanos modernos contemporâneos (...), mas este [ritual na Caverna de Bruniquel] é um comportamento muito estranho.

Eu gostaria de entender por que razão fizeram tudo aquilo (...)".

Esta novas informações ajudam a entendera vida social Neandertal.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo