Voltamos a desvendar as origens de alguns dos mais famosos apelidos portugueses. Neste artigo são revelados alguns dos mais famosos sobrenomes portugueses começados por G. Preparado para mais uma investigação ao passado dos nossos apelidos? Vamos a isto...

Gama - Este apelido terá surgido no século XIV, pelo cavaleiro Álvaro Anes da Gama, antepassado de Vasco da Gama.

Garcia - Existem diferentes origens em relação a este apelido. É por exemplo o caso dos Garcia de Chaves. Afonso Garcia de Chaves, homem que viveu no tempo de D. João II e de D. Manuel I, teve uma filha que foi casada com Luís Mendanha, e um dos seus netos, Pedro Garcia de Chaves, acabou por afirmar definitivamente o apelido Garcia na sua #Família, ao transmiti-lo aos seus descendentes.

Góis - Este apelido surgiu a partir da vila e concelho de Góis (distrito de Coimbra). De acordo com Manuel de Sousa, no livro " As Origens dos apelidos das Famílias Portuguesas", o primeiro a utilizar este apelido terá sido "Pedro Salvador, (...) senhor de Góis e da honra da Farinha Podre (co-marca de Coimbra) no final do século XII, e os seus descendentes usaram uns apelidos Góis e outros Farinha".

Gouveia - Fernão Nunes de Gouveia, alcaide mor da terra de Gouveia. Os serviços prestados ao rei D. João I, fizeram com que o seu pai Fernão Nunes e o seu avô Nuno Fernandes de Bobadela recebessem muitas terras.

Guedes - Este apelido é já muito antigo. Vem de D. Guedes o Velho. Vasco Lourenço Guedes, vassalo de D. João I e de D. Fernando, acabou por assegurar o apelido, ao passá-lo para as gerações seguintes.

Os melhores vídeos do dia

Guerra - Este apelido teve origem numa alcunha. Pensa-se que este apelido foi logo adoptado em Portugal por vários famílias. Conhecem-se algumas famílias nobres "fundadoras" com este apelido. Uma delas vem de Sebastian Rodriguez de Laguerra, que saiu das Astúrias para se fixar em Portugal (na Beira), onde se casou com a portuguesa D. Isabel Rodrigues; outra vem do pai da célebre Inês de Castro, Fernando de Castro, conhecido como "O da Guerra", que acabou por batizar dois dos seus filhos de D. Pedro da Guerra e Fernando da Guerra.

Guimarães - De acordo com alguns historiadores, este apelido tem raízes germânicas (provém da palavra wigmar, que significa cavalo de guerra). Mais tarde evoluiu para Vimara e depois Wimaranis (terra de cavalo de batalha), que acabou por ser o nome da cidade minhota. Pensa-se que os primeiros conquistadores tenham surgiram do norte de Portugal, por isso ficaram conhecidos como Vimaranis e mais tarde como conquistadores. Muitas pessoas, como forma de afirmar as suas raízes na cidade de Guimarães, começaram a fazer do nome da sua terra o seu sobrenome.

Gonçalves - Nome que possivelmente provém do nome Gonçalo. Sabe-se que já existia antes de 1500 um Antão Gonçalves em Portugal.

Gomes - A carta de Brasão de armas dos Gomes mais antiga que se conhece (datada de 1621) aponta para que este apelido tenha chegado da Galiza. O fidalgo Martim Gomes Bravo casou-se com a portuguesa D. Joana Cardoso, a aia da irmã do rei do João II, D. Joana. #História #Curiosidades