O programa CREARTE – Crescimento da Arte Teatral em Esposende tem para 2018 várias iniciativas com a estreia de novas peças. Segundo informação do Município de Esposende, a formação junto dos grupos de teatro amador do concelho já foi iniciada, prevendo-se a estreia das respectivas peças para os meses de Junho, Julho, Outubro e Novembro do corrente ano. Ainda ao nível da formação, foi feita uma aposta no público mais jovem e, após um ano de formação, criou-se o grupo de teatro infantil-juvenil Boca de Cena.

Novas peças em cena

As representações teatrais tiveram início no passado dia 30 de Junho no Salão Paroquial das Marinhas com o grupo de teatro da JUM- Marinhas, que levou a efeito apresentação da peça “Círculo da caça" de autoria de Eduardo de Filippo.

A série de estreias continua com a apresentação da peça “A vizinha do lado”, pelo grupo de teatro Forjães em Cena, que decorrerá no dia 7 de julho, às 21h30 no Centro Cultural de Forjães. No dia 14 de Julho, terá lugar a apresentação pelo grupo GARFO - Fonte Boa da peça "Aqui há gato", de Joaquim Graça do Vale, no salão paroquial da localidade pelas 22h00.

As estreias dos restantes grupos de teatro – GATA, de Fão e GATERC, de Esposende, estão previstas para os meses de Novembro e Dezembro.

:

Mais eventos de celebração do teatro

O FestiTeatro – Festival de Teatro de Rua, este ano na 4ª edição, terá lugar nos dias 24, 25 e 26 de agosto, realizando-se em Esposende e também nas localidades de Apúlia, Antas e Marinhas. É, segundo o município, uma estratégia que vai ao encontro da política de descentralização cultural.

Os melhores vídeos do dia

Relativamente ao 3º FestiAma – Festival de Teatro Amador, contará com a participação dos grupos Boca de Cena (infantil/juvenil), Forjães em Cena, GARFO – Grupo de Teatro de Fonte Boa, GATA – Grupo de teatro de Fão, GATERC – Grupo de teatro de Esposende e grupo de Teatro da JUM – Juventude Unida de Marinhas e realizar-se-á nos meses de Outubro a Dezembro.

Tanto a produção do FestiTeatro como do FestiAma é da responsabilidade do Serviço de Acção Cultural da autarquia de Esponsendo, estando a direção artística sob a responsabilidade de Jorge Alonso.

Iniciativa é para continuar

O CREARTE teve o seu início em Abril de 2015 e até ao ano passado já tinha levado a cena nove peças pelos grupos de teatro amador e quatro pelo grupo infantil e juvenil Boca de Cena. Também promoveu mais de três mil horas de formação e ensaios e produziu e realizou três edições do FestiTeatro e duas do FestiAma, num investimento total de cerca de 72,500 euros.

A tutela está entregue ao Pelouro da Cultura e o programa é coordenado pelo encenador Jorge Alonso, contando com a colaboração de Eva Fernandes, para os grupos de teatro amador do concelho.

A coordenação do trabalho junto dos mais novos, através do grupo Boca de Cena’, está a cargo do encenador Hugo Direito Dias.

:

Tendo em conta os resultados na arte teatral no concelho, a intenção do Município de Esposende é a continuação no apoio ao programa. Trata-se de um grande esforço financeiro da autarquia que é entendido, segundo a mesma, como um investimento nas pessoas do concelho.

O projecto cultural tem como objectivos gerais a dinamização de acções formativas e educativas na área do teatro, tanto ao nível da população adulta como ao nível do público infantil e juvenil. Pretende ainda a estimulação da prática da expressão artística e a revitalização e formação dos grupos de teatro amador do concelho.