Estes dias têm sido de sonho para os nossos atletas nas mais variadas modalidades! Victoria Kaminskaya conseguiu elevar Portugal ao patamar mais alto na natação, arrecadando o ouro e prata na Taça de Amsterdão. Victoria obteve o 1º lugar na final dos 400m com um registo de 4.48,49 minutos, batendo Annika Bruhn e Maxine Wolters, as outras atletas que completaram o pódio. A prata foi conseguida nos 200m mariposa, no entanto o ouro foi ganho por uma compatriota, Ana Catarina Monteiro, que conseguiu assim o segundo ouro para Portugal.

Publicidade
Publicidade



Ainda na natação, Pedro Oliveira conquistou também ele uma medalha de prata, sendo apenas batido por Axel Joenkoepings que conseguiu fazer menos 1,36 segundos que o atleta nacional. 

Marcos Freitas continua a espalhar classe no ténis-de-mesa

Marcos Freitas, o talento nacional no ténis-de-mesa que já nos tinha orgulhado com o ouro no Europeu, conquistou o bronze no Circuito Mundial da ITTF, realizado em Banquecoque (Tailândia). Marcos perdeu para Jun Mituzani nas meias-finais por 1-4, ocupando assim o último lugar do pódio. Actualmente, Marcos Freitas ocupa o 11º lugar do ranking mundial.

Muito se espera deste jovem prodígio, numa modalidade de difícil promoção em Portugal. 

Teresa Almeida sagrou-se campeã mundial de bodyboard!

Mais um orgulho para Portugal! Teresa Almeida, de 22 anos, sagrou-se campeã mundial nos ISA World Championship 2014 na categoria feminina. Esta prova decorreu no Chile e teve a presença de apenas 4 concorrentes. Em outubro, Teresa Almeida já tinha sido coroada campeão europeia em Marrocos, e desta feita conseguiu bater a concorrência de Yuleiner Gonzalez, Anne Cecile e Neymara Carvalho.

Publicidade



Teresa Almeida teve direito a uma fantástica recepção no aeroporto da Portela, rodeada da familiares, fãs e amigos. A bodyboarder mostrou-se emocionada e orgulhosa: "Não estava à espera de uma recepção com esta. Quero agradecer a todos, pois foi importante ter tanto apoio, mesmo quando estava em prova no Chile. A primeira fase da competição nem me correu muito bem, mas continuei a acreditar e foi boa a força que os outros me deram. Foi isso que também me fez ganhar a medalha de ouro. Quando se vai para uma final é para vencê-la".

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo