O início da 25ª ronda da Liga NOS fica marcado pela derrota do Boavista por 1-0 no reduto pacense, ficando a formação orientada pelo treinador Paulo Fonseca mais próxima dos lugares de acesso à Liga Europa. O Paços, embora à condição, espera agora pelo resultado que o Belenenses irá ter frente ao Estoril-Praia, no sexto lugar da geral. Com este resultado, o Boavista continua a lutar pela permanência e está agora no 13º posto no campeonato, com seis pontos acima da linha de despromoção à segunda liga.

O jogo, apesar de tudo, foi bem disputado, com as duas equipas a proporcionarem um bom espectáculo a quem esteve presente no Estádio da Mata Real.

O encontro ficou marcado, de forma determinante, pelo final da primeira parte. Nestes momentos finais dos primeiros 45 minutos, o defesa central boavisteiro Tengarrinha derrubou na área o avançado Diogo Jota, tendo sido imediatamente expulso com um vermelho directo. O capitão da formação da capital do móvel, Manuel José, não se fez rogado e marcou o único golo do jogo através da marcação da grande penalidade, decorria o minuto 46.

O segundo tempo trouxe ainda mais ambição em vencer a partida, mostrada por parte das duas equipas, mas sem sucesso. Vários foram os lances nítidos de golo mas que esbarravam nos postes, nos guarda-redes, ou em que simplesmente a bola ia para fora. Ainda assim nota positiva para o jovem avançado português, Diogo José, de 18 anos, conhecido como Diojo Jota, que tem mostrado qualidades nestes primeiros jogos que disputa no principal escalão do Futebol português.

Os melhores vídeos do dia

Mas apesar da superioridade, o Paços não foi capaz de ampliar a vantagem que tinha, sobre um esforçado Boavista.

O Paços de Ferreira, de Paulo Fonseca, entrou inicialmente no jogo com António Filipe; Rodrigo Galo, Fábio Cardoso, Ricardo e Hélder Lopes; Manuel José, Seri, Ruben Pinto e Diogo Rosado; Diogo Jota e Vasco Rocha. Jogaram também Minhoca, Bruno Moreira e Sérgio Oliveira.

O agora treinador do Boavista, Petit desenhou o seguinte onze inicial: Mika; João Dias, Carlos Santos, Marek Cech e Afonso Figueiredo; Tengarrinha, Reuben Gabriel, Brayan Beckeles, Idris Mandiang, Michael Uchebo e Brito. No decorrer do encontro, Zé Manuel e Bobô também entraram e somaram minutos nesta partida.