Agora é mesmo oficial, Daniel Alves vai deixar o Barcelona no final da temporada. Chega ao fim uma ligação de sete anos. Numa negociação que se prolongava há muito, a notícia foi dada pela ex-mulher e empresária do brasileiro. Catalães apresentaram uma última proposta de três anos condicionada pela utilização por cada época. Lateral recusou e vai agora analisar interessados fora de Espanha. Foto publicada no Instagram está a gerar curiosidade.

Foi literalmente de calções na mão que Daniel Alves apareceu na foto que o lateral canarinho publicou nas suas contas oficiais nas redes sociais.

Publicidade

Legendada com o seguinte título "A vida é um grande jogo e eu sou um pequeno jogador", o defesa internacional mostrou assim de forma enigmática o que lhe ia na alma agora que está confirmada a ruptura com o clube. A notícia do "divórcio" foi dada em primeira mão em conferência de imprensa por Dinorah Santana, ex-mulher e representante de Daniel Alves. Numa comunicação clara, foi dado a conhecer que o Barcelona tinha apresentado via email uma derradeira proposta de três anos de contrato. No entanto, o mesmo vínculo seria renovado no fim de cada temporada apenas se o lateral disputasse no mínimo 60 por cento dos jogos.

Dinorah Santana foi clara: "Esta foi a última proposta do Barcelona, disseram-nos que não farão outra. Esta foi recusada porque para nós não é uma proposta de três anos, é de apenas um ano. É triste mas temos que encarar a realidade", afirmou a representante do lateral internacional pelo Brasil.

Contratado em 2008 pelo Sevilha, depressa Daniel Alves pegou de estaca, ganhando a titularidade e o carinho da afición Culé. Considerado o melhor lateral direito do Mundo em 2009, 2011, 2012 e 2013, somou inúmeros títulos pelo Barcelona, vencendo quatro Campeonatos espanhóis, três Taças do Rei, cinco Supertaças de Espanha.

Publicidade
Os melhores vídeos do dia

Na Europa levantou duas Ligas dos Campeões, duas Ligas Europa e três Supertaças europeias. Pelo Brasil, Daniel Alves venceu duas Taças das Confederações (2009 e 2013) e uma Copa América em 2007.

Tubarões à espreita mas PSG está fora da corrida

Se até então os interessados no concurso de Daniel Alves eram muitos, agora que está confirmado o fim de acordo para a renovação, a lista promete crescer. A representante do jogador garantiu que tem neste momento duas propostas fora de Espanha e ambas para três anos de contrato, no entanto, Dinorah Santana garantiu que nenhuma é do Paris Saint-Germain.

A pouco mais de um mês do final da temporada é mais que previsível que os grandes tubarões europeus se cheguem à frente na corrida ao jogador de 31 anos. Nomes como Manchester City, Manchester United, Chelsea e até mesmo do PSG vão com certeza "lutar" arduamente para ter nas suas fileiras aquele que foi e continua a ser o melhor lateral direito do Mundo.