10

Davide Astori, nascido a 7 de Janeiro de 1987, em San Giovanni Bianco, mais conhecido atualmente por ser o capitão da equipa de futebol da Fiorentina, faleceu este domingo, 4 de Março de 2018, de morte súbita, com apenas 31 anos. Jogava na Fiorentina desde 2015/2016, depois de passar pelo AC Milan, clube em que se formou, Pergolettese, Cremonese, Cagliari e AS Roma. O futebolista estava juntamente com a sua equipa alojado num hotel em Údine, onde estava em estágio para jogar contra a equipa local, a Udinese.

Segundo foi divulgado pela Agência Reuters, o defesa central não compareceu na sala para tomar o pequeno-almoço com os seus colegas.

Dado o estranho atraso, vários jogadores tentaram contactá-lo por via telefónica, mas sem sucesso. Foi então que se dirigiram até ao quarto do colega, encontrando-o já sem vida.

Logo depois, a Fiorentina teve de anunciar o sucedido. “A Fiorentina tem de anunciar com profundo pesar a morte do seu 'capitão' Davide Astori, vítima de uma doença súbita. Face à terrível e delicada situação, e sobretudo por respeito à sua família, pede-se a sensibilidade de todos", anunciou a formação italiana na sua conta oficial do Twitter.

De acordo com o que o Procurador da República de Údine afirmou ao jornal Corriere Dela Sera, o futebolista terá morrido de “causas naturais na sequência de uma paragem cardiorrespiratória”. Segundo se sabe, o corpo do defesa central já foi transportado para um hospital da cidade para ser autopsiado.

Os melhores vídeos do dia

Com esta triste e trágica noticia, o Futebol italiano ficou em estado de choque e, como tal, o jogo que se ia realizar entre o Fiorentina e o Udinense para a 27.ª jornada do campeonato italiano foi adiado, assim como todos os restantes jogos da Serie A que se iam realizar neste domingo.

Com a divulgação da noticia, começaram a surgir nas redes sociais várias reacções à morte inesperada do capitão da Fiorentina:

"Não consigo pensar no dérbi depois de uma tragédia como esta", escreveu Gennaro Gattuso, treinador do AC Milan, no Twitter.

"Parece impossível. Não consigo acreditar e choro pela família dele e por toda a Fiorentina. Adeus capitão", relatou o ex primeiro-ministro Matteo Renzi.

Gianluigi Buffon, atualmente capitão da Juventus, deixou uma das mensagens mais emotivas sobre o colega, lembrando que não gosta de falar publicamente de relacionamentos, porque valoriza a privacidade pessoal e entre as pessoas que estima; contudo, não pode deixar de abrir uma excepção dado a trágica situação:

"A tua filha merece saber que o pai era uma pessoa boa, uma grande pessoa. Eras o melhor exemplo de um mundo passado, que valorizava a elegância, a educação e o respeito pelo próximo", acrescentando: "Foste uma das melhores pessoas que encontrei no futebol ".

Também a FIFA e a UEFA já se manifestaram nas redes sociais, assim como diversos clubes de futebol a nível mundial.

Alguns adeptos da Fiorentina já colocaram flores e uma faixa a dizer “Adeus Capitão”, junto ao Estádio Artemio Franchi, em Florença.

Astori era casado com a modelo Francesca Fioretti, com quem tinha uma filha de apenas dois anos, a pequena Vittoria. No Instagram pessoal da sua companheira, podem ler-se vários comentários, entre os quais: “As maiores condolências” , “Muita força para ti e a para menina”, etc.