O destino de Neymar é um dos assuntos, que vai marcando a atualidade desportiva há alguns meses. O jogador brasileiro, de 26 anos, é indiscutivelmente um dos melhores do mundo, o que o torna num dos alvos mais apetecíveis de qualquer mercado. Há um ano, ele foi o protagonista do mercado de transferências de verão, quando trocou o Barcelona pelo Paris Saint-Germain, mas agora prefere não causar mais abalos no futebol. Apesar de se falar muito do interesse do Real Madrid, especialmente depois da saída de Cristiano Ronaldo, Neymar vai ficar em Paris.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal news

A notícia foi avançada pelo jornal El País, que conseguiu a confirmação do pai e agente do jogador, que deixou, no entanto, uma condição: Neymar deve continuar a ser a estrela da equipa.

Mbappé 'cresceu' muito no Campeonato do Mundo

A verdade é que o Campeonato do Mundo não foi aproveitado por todos da mesma maneira. Enquanto Neymar esteve mais apagado, por força da lesão que contraiu em fevereiro deste ano, já Mbappé sagrou-se campeão do mundo aos 19 anos, e ainda foi eleito o melhor jovem do torneio. O jovem craque do PSG esteve em grande nível na seleção francesa, e tudo aponta para que ele possa vir a ser a estrela do clube. No entanto, Neymar não quer que isso aconteça.

Se na temporada passada, muitas pessoas próximas do Barcelona revelaram que Neymar deixou o Barcelona para não ficar na sombra de Leo Messi, agora o jogador não quer ficar encoberto pelo jovem Mbappé, que está a crescer muito e tem um estatuto cada vez maior, e que pode ofuscar o brasileiro de 26 anos.

Os melhores vídeos do dia

El País confirma que Neymar fica em Paris

De acordo com o jornal espanhol El País, Neymar "quer ficar em Paris." Um dirigente do PSG revelou ao jornal que o pai de Neymar lhes garantiu que Neymar está "muito bem em Paris", e que se sente muito apoiado pela direção de Nasser Al-Khelaifi. "O pai foi muito claro, para Neymar, a única coisa inegociável é que ele quer ser o jogador mais importante. Nisso, o pai foi muito claro: a sua única condição para continuar é que ninguém duvide que o centro do clube é ele", revelou fonte próxima da direção do PSG ao El País.

Para o dono do Paris Saint-Germain, isso é tudo o que ele quer ouvir. Nasser Al-Khelaifi pode finalmente descansar, uma vez que ele temia perder a sua grande estrela. O milionário do Catar desembolsou 222 milhões de euros por Neymar há um ano, mas espera continuar com o brasileiro por muito mais tempo, depois de ter investido tanto para o conseguir desviar do Barcelona. Naturalmente, o PSG receberia mais ainda se o vendesse, mas nunca foi essa a intenção do dono do clube francês.

Com a saída de Cristiano Ronaldo para a Juventus, tudo indicava que Florentino Pérez iria tentar Neymar e fazer dele o seu novo galático. No entanto, de acordo com a fonte do El País, isso nunca aconteceu. O canal de televisão brasileiro Globo Esporte chegou a noticiar os encontros de dirigentes madrilenos com o pai de Neymar, no Brasil, mas o PSG nega ter recebido qualquer proposta oficial por Neymar do Real Madrid.