O Barcelona reassumiu a liderança do campeonato espanhol, mas nem tudo são razões para sorrir. O clube catalão impôs-se ao anterior líder Sevilha por 4-2, mas perdeu Messi no início do encontro. O astro argentino teve que ser substituído aos 25 minutos de jogo, depois de ter estado quase dez minutos deitado no relvado a ser assistido. O craque foi examinado logo na noite de sábado e pouco depois do final do encontro, o Barça avançou com a má notícia: Messi tem um tempo de paragem previsto de três semanas, numa fase crucial da competição.

Messi pode perder até seis jogos

De acordo com o comunicado do Barcelona, Messi deverá demorar três semanas para se recuperar e, como tal, perder entre cinco a seis jogos.

Depois, a competição voltará a parar e o craque terá mais uns dias para recuperar a melhor forma.

No entanto, até ao dia 11 de novembro, o Barça tem seis jogos e Messi poderá falhá-los a todos, incluindo um grande clássico com o Real Madrid e duas partidas para a Liga dos Campeões. Podem ser dias críticos para a equipa de Ernesto Valverde que não vai contar com a sua maior estrela.

Os jogos que Messi poderá perder

O próximo jogo do Barça é já no dia 24 de outubro contra o Inter de Milão, no Camp Nou. As duas equipas são líderes do grupo, com seis pontos cada, e este jogo pode valer liderança isolada. No entanto, Messi estava a fazer uma campanha estupenda na Liga dos Campeões, com cinco golos em dois jogos e a sua ausência deverá ser notada.

Depois, no fim de semana mais um grande encontro.

Os melhores vídeos do dia

No Camp Nou, o Barça vai receber o Real Madrid, que não atravessa a melhor fase, mas é sempre um clássico do futebol mundial. Depois, para terminar o mês de outubro, a 31, o Barcelona joga para a Taça com o Leonesa, de escalões inferiores, o que não será teoricamente tão preocupante.

O mesmo não se poderá dizer dos jogos com o Rayo Vallecano (3 de novembro) e com o Inter de Milão, três dias depois. Estes dois encontros com a dificuldade agravada de ser fora de portas. Finalmente, e de acordo com as melhores expectativas do Barça, Messi já poderia estar disponível para jogar com o Bétis de Sevilha, no dia 11 de novembro, dependendo sempre da sua recuperação.

Termina aí o ciclo mais difícil de jogos. Depois, a competição só recomeça a 24 de novembro e contra o Atlético de Madrid.

Bareclona voltou a liderar a La Liga

Quando Messi se lesionou, à passagem do minuto 15, o Barça estava a fazer uma exibição perfeita. O argentino descobriu Coutinho para o primeiro golo, com uma assistência fantástica e pouco depois marcou mais um grande golo no campeonato.

Depois, veio o momento mais doloroso para os adeptos do Barcelona. Messi caiu sobre o braço direito e foi evidente a dor que sentia.

O Camp Nou ficou em suspenso durante largos minutos, enquanto o argentino era assistido no relvado. No entanto, nada havia a fazer e Messi teve mesmo que ser substituído, por Ousmane Dembélé. Mais tarde,. confirmava-se a fratura.

Apesar disso, o Barça manteve o mesmo resultado. No segundo tempo, o Sevilha atacou mais e o Barça teve no guarda-redes Marc-Andre Ter Stegen o seu melhor jogador, que salvou vários remates do Sevilha, permitindo que o Barça conseguisse vencer por 4-2 sobre a equipa que era a anterior líder e que ficou agora para trás.