Gianluigi Buffon já poderá jogar o próximo encontro da Liga dos Campeões. O guarda-redes italiano cumpriu três jogos de castigo, na sequência da sua expulsão no Real Madrid - Juventus da temporada passada. Agora, já no PSG, para onde se mudou esta época, o experiente guarda-redes italiano falou com a Sky Sport sobre esta edição da Champions e as possibilidades do seu PSG. O clube está a dominar a bel-prazer o campeonato francês, mas para Buffon ainda não é o favorito óbvio para ganhar a Liga dos Campeões. Para Buffon, o favorito deste ano é o Barcelona porque têm Leo Messi.

Italiano dá favoritismo ao Barça de Messi

O guarda-redes italiano acredita que o Barcelona é o maior favorito para vencer a Liga dos Campeões, porque eles têm, na equipa, "o melhor jogador do mundo", Leo Messi.

A verdade é que a equipa catalã se está a sair muito bem esta temporada na prova europeia, que o astro argentino definiu como prioridade no início da época. Messi falou que estava na hora de levarem a 'orelhuda' de volta para o Camp Nou e a equipa soma três vitórias nos três primeiros encontros, apesar de estarem num dos grupos mais complicados da competição.

O Barcelona começou pro vencer o PSV por 4-0, depois foram a Londres bater o Tottenham, por 4-2. Finalmente e mesmo sem Messi, ausente por lesão, o Barça conseguiu uma importante vitória sobre o Inter de Milão por 2-0.

O apuramento para a próxima fase não está garantido, mas está muito bem encaminhado.

Guarda-redes mudou-se para o PSG

Messi poderá voltar à competição já nesta semana de Champions, na deslocação ao Inter de Milão e também Buffon poderá regressar.

Os melhores vídeos do dia

O italiano já cumpriu os três jogos de sanção e poderá voltar neste encontro contra o Nápoles. Aos 40 anos, Buffon não quer parar. "Eu quero jogar enquanto me sentir competitivo", disse o astro italiano.

O guarda-redes está com vontade de voltar a jogar, ele que se mudou neste último verão para Paris. O PSG está a fazer uma temporada fantástica no campeonato francês, só com vitórias, mas com mais dificuldades na Champions. O grupo é muito complicado e, neste momento, o PSG está fora dos lugares de apuramento, quando a fase de grupos vai a meio.

O PSG começou por perder em Liverpool, depois venceu de goleada o Estrela Vermelha e empatou com o Nápoles. Entre as quatro equipas, apenas o Estrela Vermelha parece sentenciado e depois, entre Liverpool, Nápoles e PSG, uma das equipas vai ficar de fora da próxima fase da Champions, sendo que neste momento, é o PSG que está de fora e antevê-se um encontro complicado em Nápoles, já nesta semana.

Questionado sobre quem vai ganhar a Champions, Buffon não elegeu a sua equipa, mas antes o Barcelona, porque "têm o melhor jogador do mundo" e num segundo plano, Buffon também elegeu a sua antiga equipa, a Juventus, por terem contratado "o outro jogador que também pode ser considerado o melhor do mundo", disse Buffon, referindo-se a Cristiano Ronaldo.

Admiração de Buffon por Messi é antiga

Esta não foi a primeira vez que Buffon se referiu de forma tão elogiosa sobre Messi.

Já em 2015, Buffon chamou "um alienígena" a Messi, pelas suas capacidades surreais. Também uma imagem de Buffon a tocar em Messi, para confirmar se o argentino era mesmo real, acabou por se tornar viral.

Agora, Buffon volta aos elogios para dizer que Messi continua a ser o melhor jogador do mundo, na sua opinião.