Num jogo de emoções fortes, Atlético de Madrid e Barcelona empataram a um golo no Wanda Metropolitano. O jogo ganhou ainda mais entusiasmo nos minutos finais, quando chegaram os golos, mas antes disso o encontro ficou marcado por muitas quezílias, brigas e faltas. Afinal, trata-se de um dos maiores clássicos do futebol mundial, entre duas das melhores equipas da Europa na atualidade. Ainda por cima, o encontro poderia valer a liderança do campeonato espanhol.

Em campo, estiveram vários jogadores mais emotivos, como é o caso de Diego Costa, e foi sem surpresa que alguns atletas se enfrentaram em alguns momentos de jogo.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal news

Aconteceu entre o hispano-brasileiro Diego Costa e o francês Samuel Umiti um momento que aqueceu o encontro e parece ter dividido Griezmann.

Diego Costa não gostou da postura de Griezmann

Diego Costa fez um grande jogo, no seu estilo característico, em que deixa tudo em campo.

Sempre muito esforçado, o atleta chegaria mesmo ao golo, terminando coma sua 'seca' de 18 jogos sem marcar. Num grande movimento, o avançado espanhol conseguiu um excelente cabeceamento para bater Ter Stegen.

Aliás, o encontro também ficou marcado por ter, nas balizas de cada equipa, dois dos melhores guarda-redes da atualidade: Ter Stegen pelo Barça e Jan Oblak pelo Atlético de Madrid.

No entanto, foi ainda antes do 'sal' que o golo levou ao jogo, que Diego Costa e Umtiti quase se pegaram. O defesa francês queixou-se de um pisão de Costa e os dois ficaram a trocar algumas palavras mais acesas, já depois do árbitro ter intervido na jogada. Griezmann não gostou do que viu e tentou separar os jogadores.

Afinal, frente a frente, estavam o seu colega de equipa, Diego, e o seu compatriota e colega de seleção, Umtiti.

Os melhores vídeos do dia

Griezmann tentou ser cordial, mas Costa não gostou da postura do companheiro de ataque e teve que o lembrar que ele é que era o seu colega da equipa e que ele deveria ficar do seu lado.

As câmaras da Movistar TV captaram o momento em que Costa fica para trás com Griezmann, tentando tirar satisfações com o amigo. "Eu sou o teu companheiro de equipa", terá dito Costa, incomodado pela intervenção de Griezmann.

Griezmann ficou do lado do 'rival' Umtiti

Griezmann é muito amigo de Umtiti. Os dois jogadores foram decisivos na vitória da seleção francesa no último campeonato do mundo, na Rússia. E uma das características que mais elogiam na França é mesmo a união dos seus jogadores, parecendo que todos se dão muito bem uns com os outros.

O vínculo entre Griezmann e Umtiti é muito forte e o atacante do Atlético de Madrid parece ter-se posicionado do lado do compatriota, ao invés do seu colega de equipa, nesta briga entre os dois rivais.

No entanto, pouco depois, Griezmann provou que não se passava nada entre ele e Costa, quando o francês foi o primeiro a celebrar o golo do internacional espanhol, após a sua assistência. No entanto, os festejos da equipa da casa não duraram muito, uma vez que Dembélé, a passe de Leo Messi, acabou por empatar o encontro à chegada do minuto 90, numa divisão de pontos entre os dois colossos da La Liga.

Com isto aproveitou o Sevilha, com André Silva a marcar, para chegar à liderança do campeonato espanhol.