Ronaldinho Gaúcho está em apuros com a justiça brasileira. O ex-astro do futebol pode estar na ruína, de acordo com o que o Ministério Público brasileiro descreveu num documento citado pelo UOL Esporte: ao tentar penhorar o valor de uma dívida de quase dois milhões de euros, as autoridades encontraram apenas 24,63 reais (cerca de 5,7 euros) na conta bancária do jogador e do seu irmão Assis.

Menos de um ano depois de pendurar as chuteiras, o brasileiro não tem saldo para pagar a dívida de 8,5 milhões de reais (1,97 milhões de euros). O jogador já tinha ficado com o passaporte apreendido e, por esse motivo, teve que cancelar a sua presença na Web Summit, que está a decorrer em Lisboa e para a qual o ex-craque do Barcelona estava convidado.

Justiça investigou contas de Ronaldinho

Ronaldinho Gaúcho fica na história como um dos melhores de sempre, pelo seu talento e generosidade em campo. Ganhou a Bola de Ouro e esteve no início da carreira de Leo Messi, no Barcelona. Fez amigos por todos os clubes por onde passou e é uma figura consensual para todos os que gostam de desporto.

No entanto, fora de campo sempre foi mais controverso, colecionando uma fama de mulherengo e demasiado extrovertido. Porém, agora o problema é outro. O jogador e o irmão foram multados por um caso de construção ilegal e a justiça teve direito a quebrar o sigilo bancário. Nas contas do jogador, encontraram aquilo que ninguém poderia imaginar: o craque tem menos de seis euros, de acordo com o UOL Esporte.

Depois de uma longa carreira a jogar em grandes clubes, a ganhar milhões com o futebol e patrocínios,o jogador poderá estar já na falência.

Os melhores vídeos do dia

Neste momento, deve perto de dois milhões de euros e está com o passaporte apreendido, vivendo uma situação que está a preocupar todos os seus fãs.

Ronaldinho terminou a carreira de futebolista no início deste ano.

Jogador pode estar arruinado

O caso de Ronaldinho começou com este crime por construção ilegal. Como o jogador não se dispôs a pagar a multa, a justiça teve direito a aceder aos seus bens para cobrar o que lhe era devido.

A ideia seria penhorar o valor equivalente à dívida de Ronaldinho e do seu irmão. Porém, para grande surpresa, o jogador não tem bens que permitam pagar as suas dívidas, muito pelo contrário. Ao quebrar o sigilo bancário e inspecionar as contas do ex-astro, a justiça não encontrou mais do que uns meros seis euros, um valor inexplicável depois dos milhões que o jogador recebeu ao longo da sua carreira.

Apesar de ter terminado a carreira no início deste ano, Ronaldinho continua a fazer algumas ações promocionais, nomeadamente com a Nike, mas também com o Barcelona.

O ex-jogador é um dos convidados do clube catalão para os encontros de lendas, uma situação que também foi abalada recentemente.

O ex-craque anunciou publicamente o seu apoio ao candidato Jair Bolsonaro, que entertanto ganhou as eleições no Brasil, e a direção do clube não teria gostado. O agora presidente é de extrema-direita e o Barcelona não concorda com os valores defendidos e, por isso, as chamadas de Ronaldinho serão menos frequentes, de acordo com a imprensa catalã.