O Barcelona volta a sentir dificuldades com um dos seus jogadores mais importantes. Depois dos problemas dados por Dembélé, parece que agora o problema é Philippe Coutinho, a contratação mais cara da história do clube. O internacional brasileiro está longe do seu melhor momento de forma e por Barcelona começam a duvidar se um ano depois da sua contratação, o médio valeu realmente o investimento. Amigo pessoal de Luis Suárez e Leo Messi, Coutinho foi escapando da contestação nos últimos tempos, mas agora, quando as dificuldades ofensivas da equipa emergem, parece que nem as amizades podem esconder o mau momento do brasileiro.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal news

Barça com dificuldades atacantes

O Barcelona está num bom momento de resultados, mas os problemas da equipa estão à vista. Na defesa, as coisas não fluem tão bem e no ataque, com as recentes lesões no plantel, a situação também se agrava.

Sem Suárez, Arthur, Sergi Roberto e Rafinha, lesionados, o clube ficou sem grandes soluções.

Valverde apostou por um ataque com Messi, Dembélé e Coutinho, no jogo do campeonato, contra o Villareal, mas as dificuldades foram evidentes. E, para muitas pessoas, o maior problema nem foi Dembélé, que apesar da irregularidade e do ruído fora de campo, cada vez parece agradar mais aos adeptos.

Em situação contrária está Philippe Coutinho, que começa a ser contestado. Afinal, o jogador custou mais de 150 milhões de euros, em janeiro deste ano, e não está a render como seria esperado.

Coutinho em baixo de forma

O jogador brasileiro não está a conseguir apresentar a sua melhor versão nesta temporada e já suscita alguma preocupação na equipa. Valverde e Messi tentaram dar-lhe confiança, mas o ex-craque do Liverpool não está a conseguir demonstrar nada de extraordinário, realizando mais uma exibição mediana frente ao Villareal.

Os melhores vídeos do dia

Coutinho é, até hoje, a contratação mais cara da história do clube e, se as pessoas esperavam que ele fizesse esquecer Andrés Iniesta, a verdade é que isso está ainda longe de acontecer. Ainda por cima, a sua contratação foi tão difícil, que muitos já dizem que Coutinho é um "barrete" bem pior do que o caso de Dembélé que, apesar de tudo, foi mais barato para o clube e é mais jovem.

De acordo com o Diario Gol, no Barcelona ninguém duvida da qualidade de Coutinho, mas lamentam que ele ainda não consiga expôr tudo o que tem no jogo. Estão a considerar o jogador intermitente, e capaz de passar largos minutos sem tocar na bola ou muito longe da área adversária, sem criar perigo real para a defesa rival.

Barça pensa em novo avançado

Com a irregularidade de Coutinho e Dembélé, os dois contribuem pouco para o ataque e o Barça estará a começar a pensar num novo atacante para a equipa, segundo o Diario Gol.

Faltam golos ao ataque do Barcelona, que vive muito dependente de Suárez e Messi, os dois com nove golos cada no campeonato. Enquanto isso, Coutinho tem apenas 4 e Dembélé 5 golos.