Cristiano Ronaldo pode ter deixado poucos amigos em Madrid, pela forma como saiu da equipa, no final da temporada passada. No entanto, há um apoio que Ronaldo nunca vai perder. O lateral brasileiro Marcelo foi, durante várias temporadas, muito mais do que um colega de equipa para Cristiano. Marcelo era um dos melhores amigos do internacional português e parece que essa amizade continua a sobrepor-se, apesar das distâncias entre Madrid e Turim.

Por isso, foi sem surpresas que o defesa esquerdo revelou que o Real Madrid sente saudades do "melhor jogador do mundo", em entrevista à revista Club Del Deportista.

Marcelo revela 'saudades'

"É normal sentirmos a falta do melhor jogador do mundo se ele não está", disse o internacional brasileiro. Apesar de algumas pessoas do Real Madrid tentarem passar uma mensagem diferente, Marcelo não negou que a equipa se ressente com a falta de Cristiano Ronaldo.

Afinal, o português foi durante anos o melhor marcador do Real Madrid e, em alguns momentos desta temporada, foi evidente a falta de golo neste Real.

Obviamente, Cristiano Ronaldo não foi a única mudança nesta equipa, que também perdeu o treinador Zidane e, entretanto, até já teve que destituir treinador e contratar um novo.

O Real Madrid tem passado por algumas dificuldades nesta temporada, que Marcelo explica, então, com a partida do "melhor jogador do mundo", que naturalmente deixou um vazio na equipa.

Jogador destaca força da equipa

Apesar disso, o lateral brasileiro continua a acreditar neste Real. "Não significa que o Real Madrid não continue a ter os melhores jogadores para todas as posições", contou Marcelo, acrescentando, apesar de tudo, que "qualquer equipa gostaria de ter Cristiano Ronaldo".

No entanto, o português seguiu com a sua vida em Itália, onde os seus golos estão a ser muito bem recebidos, e o Real continua a ressentir-se com a falta do contributo do agora atacante da Juventus.

Marcelo ainda acredita neste Real Madrid

Apesar de algumas dificuldades, Marcelo não duvida que podem acreditar neste Real Madrid. A equipa ficou em primeiro lugar do grupo, na Liga dos Campeões, apesar de ter perdido dois jogos com o CSKA de Moscovo. No entanto, no mais relevante, a equipa apurou-se para os oitavos-de-final da prova, entre as melhores equipas, e é isso que Marcelo acredita ser o mais importante.

No campeonato, o Real está na quarta posição, a cinco pontos do líder Barcelona e apenas a dois pontos de Sevilha e Atlético de Madrid, desvantagens que podem ser recuperadas.

"Não se pode avaliar uma temporada em setembro, isso é uma loucura. É em fevereiro que tudo começa a ganhar forma e, neste momento, estamos vivos em todas as competições", disse o jogador muito confiante, antes da viagem para o campeonato do mundo de clubes que, mais uma vez, o Real vai querer conquistar.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo