Eduardo Salvio já está disponível e entra nas contas de Jorge Jesus para o jogo de hoje frente ao Penafiel. Já Nico Gaitán vai ficar de fora devido a uma lesão muscular. Esta partida é muito importante para o Sport Lisboa e Benfica, faltando apenas três jogos para o final do campeonato, e havendo possibilidade de se tornar campeão nacional já este fim-de-semana, em caso de derrota do FC Porto.

O SL Benfica pode vir a somar o seu 34º título do campeonato português, o terceiro com Jorge Jesus no comando da equipa. Se tal acontecer, os encarnados tornam-se bicampeões nacionais, feito que já não alcançavam há 31 anos, desde o comando de Eriksson, nas épocas 1982/83 e 1983/84.

Nas últimas três décadas, o Benfica chegou ao título de campeão nacional apenas sete vezes nos anos de 1987, 1989, 1991, 1994, 2005, 2010 e 2014.

Em caso de vitória do SL Benfica, o clube fica à espera do resultado do seu rival FC Porto para saber se faz já a festa. Contudo, se os dragões ganharem o jogo contra o Gil Vicente, que se disputará no Estádio do Dragão, o Benfica continua na frente, precisando apenas de uma vitória para se tornar campeão. De realçar que, na jornada 33, a equipa de Lisboa desloca-se ao terreno do Vitória de Guimarães, onde se espera um jogo difícil para os pupilos de Jorge Jesus.

O treinador benfiquista já referiu que espera que os próximos três jogos não sejam "três etapas de montanha", admitindo ainda que a sua equipa se encontra cada vez mais moralizada.

Os melhores vídeos do dia

Jorge Jesus defende também que não faz sentido ter uma mensagem especial, nem um discurso de motivação diferente, pois a sua equipa encontra-se no comando do campeonato desde a 5º jornada da Liga Portuguesa.

Numa altura em que também se especula sobre a renovação de contrato do treinador do Benfica, Jorge Jesus afirma estar tudo na mesma e que a grande cobiça de clubes europeus só advém do bom trabalho que tem estado a realizar ao longo destes seis anos. Contudo, avança que a sua renovação se vai manter uma incógnita até ao final da época. Por fim, Jorge Jesus diz que a equipa está tranquila e sem qualquer tipo de ansiedade para os jogos que faltam disputar.