Resumo do jogo

O F.C. Porto foi a equipa mais perigosa durante os 120 minutos de jogo, mas acabou por pagar caro erros incríveis da sua defesa que poderiam inclusivamente ter rendido mais golos ao Sporting de Braga, o guarda-redes Helton, Chiodzie e Marcano estiveram muito mal no jogo.

Tal como aconteceu na época passada, os bracarenses colocaram-se a vencer por 0-2 com golos de Rui Fonte aos 12 minutos e de Josué aos 58 minutos, mas acabaram por permitir o empate com dois golos do jovem André Silva aos 61 minutos e aos 91 minutos, o segundo golo é uma obra de arte do avançado portista.

No prolongamento notou-se o cansaço físico das duas equipas mas foram os portistas a criar mais perigo para a baliza adversária, principalmente na segunda parte, André Silva aos 120 minutos teve a oportunidade para fazer o hat-trick, mas demorou muito na hora do remate e acabou por desperdiçar a oportunidade para fazer o 3-2. No desempate por penáltis brilhou o guarda-redes Marafona, que defendeu os remates de Herrera e de Maxi Pereira, o Braga não desperdiçou nenhuma oportunidade e foi Goiano que fez o 2-4 final e levou à loucura os adeptos bracarenses.

Final do jogo. F.C. Porto, 2 – Sp. Braga, 2 (2-4 nos penáltis).

2-4. Marca Goiano! O Braga vence a Taça de Portugal!

Falha Maxi! Marafona defende e se o Braga marcar vence a Taça!

2-3. Hassan coloca o Braga novamente em vantagem.

2-2. Rúben Neves não desperdiça.

1-2.Stojilikovic adianta os bracarenses no marcador.

Falha Herrera, Marafona defende!

1-1. Empata Pedro Santos.

1-0. Marca Layún.

Vai iniciar-se o desempate. A primeira equipa a marcar é o Porto.

O jogo vai ser desempatado através da marcação de grandes penalidades.

Final do prolongamento. F.C. Porto, 2 – Sp. Braga, 2

120'– Que perdida de André Silva!

O atacante portista tinha tudo para fazer o golo, mas falhou na hora do remate, que saiu fraco e contra um defesa do Braga.

118'– André Silva remata por cima da baliza.

116'– Remate de Aboubakar cortado para pontapé de canto.

115'– Remate de André Silva bloqueado por Boly.

115'– Cartão amarelo para Mauro.

108'– Falta o discernimento aos jogadores devido ao extremo cansaço físico.

Início da 2.ª parte do prolongamento. Sai o F.C. Porto com a bola.

Intervalo no prolongamento. F.C. Porto, 2 – Sp. Braga, 2

102'- Cartão amarelo para Marafona por retardar a colocação da bola em jogo.

96'- O perigo ainda não rondou as duas balizas nesta 1.ª parte do prolongamento.

Início da 1.ª parte do prolongamento. Sai o Sp. Braga com a bola.

O jogo avança para prolongamento.

Final do jogo. F.C. Porto, 2 – Sp. Braga, 2

90+1'- GOLO DO PORTO! André Silva marca num pontapé acrobático e empata o jogo, grande golo do avançado portista. O guarda-redes Helton também estava no ataque.

90'- Cinco minutos de tempo de compensação.

90'- Remate de Maxi bloqueado pela defesa do Braga.

87'- Cartão amarelo para André Pinto.

86'- Pontapé de Rúben Neves com a bola a sair muito alta.

83'- Substituição no Braga. Sai Josué, entra Pedro Santos. O Braga esgota as substituições.

83'- Remate de Aboubakar sem qualquer perigo.

81'- Aboubakar aparece a cabecear, mas a bola sai ao lado.

79'- Substituição no Porto. Sai Varela, entra Aboubakar. O Porto esgota as substituições.

78'- Remate de Brahimi sem qualquer perigo.

77'- Substituição no Braga. Sai Ricardo Ferreira, entra Willy Boly.

77'- Cabeceamento de Hassan sem qualquer perigo para a baliza de Helton.

76'- Marafona sai aos pés de Varela e agarra a bola.

73'- Substituição no Porto. Sai Sérgio Oliveira, entra André André.

72'- André Silva obriga Marafona a uma grande defesa.

69'- Quase o 3.º golo do Braga, numa falha incrível de Helton que quase marcou na própria baliza!

68'- Josué bate um livre direto por cima da barra da baliza de Helton.

61'- GOLO DO PORTO! Remate de Brahimi para defesa incompleta de Marafona e André Silva emenda à boca da baliza.

60'- Quase o golo do Porto! Marafona com uma intervenção decisiva a um remate de Herrera.

60'- Substituição no Braga. Sai Rui Fonte, entraStojilikovic.

58'- GOLO DO BRAGA! Marcano falha o corte e Josué aproveita para aumentar para 0-2.

57'- Herrera quase empatava a partida, o remate levou a bola a passar rente ao poste esquerdo.

54'- Remate de Maxi bloqueado por André Pinto.

52'- André Silva isola-se, mas Marafona sai bem da baliza e agarra a bola.

50'- Sérgio Oliveira bate um livre contra a barreira.

46'- Substituição no Porto. Sai Chidozie, entra Rúben Neves.

Início da segunda parte. Sai o F.C. Porto com a bola.

As equipas reentram em campo! Tudo a postos para o início da segunda parte.

Resumo da primeira parte

O Porto entrou melhor na partida, mas acabou por ser o Braga a marcar num lance onde Helton, Chidozie e Marcano ficaram a olhar uns para os outros a ver quem ia à bola, acabou por ser Rui Fonte que foi mais decidido e fez aos 12 minutos o único golo desta primeira parte.

Os azuis e brancos tentaram reagir ao golo, mas sem grande acerto no ataque e com pouco perigo para a baliza de Marafona.

Intervalo no jogo. F.C. Porto, 0 – Sp. Braga, 1

45'- Goiano remata à figura de Helton.

35'- Na sequência do canto Herrera remata contra Goiano.

35'- Maxi obriga Marafona a defesa difícil para canto.

33'- André Silva aparece a cabecear, mas a bola não sai na direção da baliza.

30'- Grande jogada de Brahimi, mas na hora de rematar aparece Ricardo Ferreira a cortar o lance.

20'- Remate de Hassan bloqueado pela defesa portista.

17'- Jogada individual de Brahimi bem cortada pela defesa do Braga.

12'- GOLO DO BRAGA! Falha incrível de Helton e dos centrais do Porto que deixam Rui Fonte completamente à vontade para marcar.

9'- Mauro aparece em boa posição para marcar, mas falha o cabeceamento.

5'- Entra melhor o Porto na partida.

17:15 - Início da primeira parte. Sai o Sp. Braga com a bola.

17:12 - As equipas já estão em campo.Está quase a começar a partida!

17:00 - Onze inicial e suplentes do Sp. Braga

Onze inicial:Marafona (GR), Baiano, André Pinto, Ricardo Ferreira, Goiano, Mauro, Luíz Carlos, Josué, Rafa, Rui Fonte, Hassan.

Suplentes:Matheus (GR), Willy Boly, Djavan, Vukcevic, Stojilikovic, Alan e Pedro Santos.

Treinador do Sp. Braga: Paulo Fonseca.

17:00 - Onze inicial e suplentes do F.C. Porto

Onze inicial:Helton (GR), Maxi Pereira, Chidozie, Marcano, Layún, Danilo Pereira, Sérgio Oliveira, Herrera, Silvestre Varela, Brahimi e André Silva.

Suplentes:Iker Casillas (GR), Martins Indi, Rúben Neves, Evandro, André André, Corona e Aboubakar.

00:00 – O Sp. Braga e o F.C. Porto disputam a Final da Taça de Portugal no Estádio do Jamor, o palco tradicional deste evento.

O Sp.

de Braga e o F.C. Porto, duas das maiores equipas do futebol português, voltam a encontra-se na final da Taça de Portugal pela terceira vez. Nos dois anteriores confrontos, os azuis e brancos foram mais felizes tendo vencido em 1977 por 1-0 e em 1998 por 3-1. Os bracarenses procuram repetir o triunfo alcançado em 1966 e estiveram perto no ano passado, mas acabaram por desperdiçar a oportunidade frente ao Sporting Clube de Portugal depois de terem estado a vencer o jogo por 2-0.

Já o F.C. Porto procura conquistar a sua 17.ª taça descolando-se assim do Sporting que tem também 16 troféus conquistados.

Em caso de vitória, os dragões tornar-se-ão o clube com mais Taças de Portugal conquistadas logo atrás do Benfica, que tem 25 troféus conquistados. A última conquista dos azuis e brancos aconteceu em 2011 frente ao V. Guimarães, o jogo terminou com um resultado final de 6-2.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo