Em Madrid, a temporada ainda não acabou mas a direção do Real tem muito no que pensar, também em relação à nova temporada. No entanto, neste momento, o mais importante é mesmo a final da Liga dos Campeões, no próximo sábado, dia 26 de Maio. O jogo é decisivo para os merengues, depois de uma temporada em que a equipa acabou por desiludir, tanto no campeonato como na Taça. Uma época que ficou aquém das expetativas, mas que ainda pode ser salva (e de que maneira), em caso da tão desejada vitória na final da Liga dos Campeões.

Cristiano Ronaldo frente a Salah

Também para Cristiano Ronaldo, o momdento pode ser decisivo, nas suas pretensões pela Bola de Ouro, até porque vai estar frente a frente com um dos prováveis candidatos: Mohamed Salah.

Se o internacional português se destacar, deixará para trás o craque egípcio, e a luta seria, como vem sendo já há mais de uma década, entre ele e Leo Messi. Claro que o Mundial também pode marcar diferenças, e jogadores como Neymar, Harry Kane, Mbappé, ou Kevin de Bruyne também poderão entrar nesta luta.

Ronaldo só pensa em vencer a final da Champions, e no Real Madrid, todos sabem que Mohamed Salah é o homem a anular. O astro egípcio é a estrela maior deste surpreendente Liverpool, mas o jogador não entra no vocabulário do Real apenas por ser o rival da final. Mohamed Salah tem sido apontado como possível reforço do Real, e parece que o extremo do Liverpool é um dos favoritos de Florentino Pérez, para jogar de branco já na próxima temporada.

A grande revelação: Mohamed Salah

O craque egípcio não precisou de um ano em Inglaterra para se tornar numa mais maiores estrelas do futebol mundial. O jogador, de 25 anos, é a grande revelação da temporada. Chegou esta época ao Liverpool, a troco de 40 milhões de euros. O jogador já havia brilhado na Roma, mas ninguém poderia imaginar esta adaptação à Premier League, e a uma nova equipa, em tão pouco tempo.

Os melhores vídeos do dia

Mesmo depois da saída de Philippe Coutinho, o Liverpool mal se ressentiu, e os adeptos encontraram facilmente um novo ídolo. Salah é a estrela da equipa de Klopp e a esperança do colosso inglês para fazer mais uma gracinha na Europa, e levar a 'orelhuda' para Anfield Road. No entanto, existe um sentimento agridoce em Liverpool, quando muitos acreditam que esta final pode ser o último jogo de Salah com os Reds.

Salah foi o melhor jogador e melhor marcador da Premier League, batendo mesmo o recorde de mais golos da história do campeonato. Ele marcou 32 golos, e nos principais campeonatos europeus só perdeu para Lionel Messi, ficando a dois golos da Bota de Ouro, que vai pela quinta vez para as mãos do argentino.

Um dos mais desejados do mercado

Salah é um dos jogadores mais procurados no futebol mundial, e o Real Madrid é um dos mais fortes candidatos. Porém, na imprensa inglesa, garantem que Salah não vai sair por menos de 200 milhões de euros. E esse nem seria o maior problema do Real.

De acordo com o Diario Gol, o jogador egípcio exige qualquer coisa como 15 milhões de euros de salário anual; um valor muito alto, que vai causar grande confusão no balneário do Real Madrid, nomeadamente com os jogadores mais veteranos na equipa, que não ganham nada parecido com isso. Jogadores como Sergio Ramos, ou Marcelo, e o próprio Cristiano Ronaldo, têm reivindicado aumentos salariais, e as suas pretensões não têm sido ouvidas.

Com tudo isto, a ameaça de confusão é cada vez mais real. E Florentino Pérez está por dentro de tudo.