Anúncio
Anúncio

O Futebol português tem tido um impacto extremamente positivo no estrangeiro. Nos últimos anos têm sido muitas as conquistas de jogadores e treinadores portugueses por esse mundo fora. Os melhores treinadores e jogadores lusos fazem parte das ligas de elite a nível mundial e enaltecem o nome de Portugal além-fronteiras. A grande novidade e nota de destaque, vai para o número bastante significativo de treinadores portugueses a ensinarem futebol na China.

Em relação aos jogadores, o expoente máximo é Cristiano Ronaldo, melhor jogador do mundo e estrela da Liga Espanhola. No que diz respeito aos treinadores, José Mourinho é considerado para muitos o melhor treinador do mundo e também tem ajudado a colocar Portugal nas bocas do mundo.

Anúncio

O ex-jogador de futebol, Luís Figo, tem sido um dos impulsionadores da evolução do futebol chinês, através da Winning League/Figo Football Academy.

A "Academia Figo" tem praticamente um ano de existência e está a revolucionar o futebol infantil chinês. Nela trabalham muitos treinadores portugueses. São já 25, e o número tende a aumentar muito brevemente. Nuno Couceiro e Rolão Preto são dois exemplos de treinadores lusos que estão a transmitir os seus conhecimentos futebolísticos na China, capazes de dinamizar o futebol deste país, dotando-o de níveis superiores de competitividade.

Aos poucos o paradigma do futebol na China vai mudando, e o número de praticantes desta modalidade não pára de aumentar.

Anúncio
Os melhores vídeos do dia

São figuras como Figo, Ronaldo, Mourinho, ídolos de muitos, que fazem com que exista um interesse crescente no desporto-rei. E os 25 treinadores, que vão todos os dias ensinando as crianças chinesas a "dar chutos na bola", estão também a alimentar o sonho dos chineses em serem um dia mais tarde figuras do futebol mundial.

Outrora Portugal foi um país de descobrimentos, dando a conhecer ao mundo novas terras. Atualmente vai aproveitando esta faceta descobridora, para através do seu futebol de excelência, dar a conhecer a países com pouca expressão futebolística, os seus métodos inovadores de treino e de captação de talentos. A China agradece!