A Polícia de Segurança Pública (#PSP) realizou esta sexta-feira (29 de Dezembro) uma grande operação policial na Grande Lisboa, que terminou com a detenção de três homens numa das zonas residenciais de Queluz de Baixo, em Oeiras. Pouco faltavam para as 15 horas, quando três homens resolveram assaltar uma carrinha de valores na zona de Carnide, em Lisboa. Esse assalto foi realizado com recurso a uma arma de fogo. Um dos seguranças que ocupavam a carrinha de valores acabou mesmo por ser agredido pelos alegados assaltantes. O veículo utilizado pelos três alegados assaltantes era um Mini de cor branca.

Perseguição policial após assalto a carrinha de valores

Logo após o assalto, teve início uma perseguição policial com o objectivo de capturar e deter os alegados assaltantes.

Durante a mesma ocorreu um tiroteio que terminou com três detidos, acabando dois deles feridos com gravidade. Um acabou baleado na zona abdominal e num joelho, enquanto o outro foi atingido na cabeça. Os feridos tiveram mesmo necessidade de serem transportados para os hospitais São Francisco Xavier, em Lisboa, e Amadora-Sintra para receberem tratamento médico adequado.

Segundo avança o “Observador” na sua mais recente edição informativa, o suspeito que tinha sido atingido na cabeça acabou por não resistir e faleceu.

Mais polícias feridos durante o cumprimento do dever

No exacto momento em que a viatura dos alegados assaltantes foi interceptada pelas forças da ordem, em Queluz de Baixo, concelho de Oeiras, os suspeitos imediatamente abalroaram a viatura policial, provocando de igual forma ferimentos em três polícias.

Os melhores vídeos do dia

Entretanto a arma utilizada por eles no assalto foi já apreendida pela PSP e todo o dinheiro roubado recuperado.

Assaltantes já se encontravam na mira das autoridades

Os três homens já se encontravam sob vigilância das autoridades, pela suspeita de outros assaltos a caixas multibanco e agências dos CTT nos últimos meses na zona da Grande Lisboa. As investigações que inicialmente se encontravam sob a alçada da Polícia de Segurança Pública, passaram agora para a Polícia Judiciária (PJ).

Aguardam-se agora que todos os factos e responsabilidades sejam apurados e que os suspeitos sejam responsabilizados e devidamente punidos. Assaltaram uma carrinha de valores, agrediram um segurança e ainda abalroaram uma viatura policial e feriram três agentes da PSP. Motivos mais do que suficientes para serem punidos pela justiça. #policias #perseguições policiais