O anúncio repetido nos canais de televisão promete maravilhas: a frigideira "Master Copper" não deixa colar os alimentos, que nela deslizam facilmente, é muito simples de lavar e pode durar para sempre. Mas a realidade parece ser outra. A Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor (Deco) recebeu queixas de consumidores e anunciou, através de comunicado, que vai apoiar quem não se sente satisfeito.

Depois de ter recebido queixas dos consumidores quanto à frigideira, a Associação decidiu efetuar testes em laboratório comparando com exemplares de outras marcas, e a conclusão não podia ser mais taxativa. Além de as alegações feitas na exposição do anúncio serem publicidade enganosa, em algumas tarefas, "a Master Copper tem pior desempenho do que as outras frigideiras antiaderentes", refere a Deco em comunicado.

Por isso, alerta a Associação, quem está descontente com o produto pode e deve receber o seu dinheiro de volta.

Motivos para as queixas

A Associação explica que o engano começa logo no nome. "Copper", que em português significa cobre, indica que a frigideira é feita deste material. No entanto, a mesma "é feita de alumínio, com um revestimento antiaderente." Pior, continua a Deco, das três frigideiras que foram sujeitas a teste, esta é mesmo a única que falha no teste referente à estabilidade da base quando submetida a choque térmico. A atestar os resultados, a Associação publica o vídeo em que coloca frente a frente nas mesmas tarefas esta e outras duas frigideiras.

Face a isto e às queixas apresentadas, a Deco criou um formulário no seu site para que todos os consumidores que se sentem lesados possam pedir o reembolso do dinheiro.

Os melhores vídeos do dia

Os lesados podem devolver a frigideira e pedir o reembolso do dinheiro gasto, tendo dois anos para o fazer. Após a inscrição neste mecanismo, a Associação entra em contacto com os queixosos num prazo de 48 horas, para explicar todas as informações que necessita para pedir o valor gasto.

À venda online e no retalho

O anúncio à frigideira "Master Copper" pode ser visto em vários canais da televisão portuguesa. As diversas funcionalidades e facilidades prometidas na cozinha podem ser obtidas através do preço de 29,90 euros. Inicialmente, ainda acrescia a este valor mais 8 euros de portes de envio. Mas, desde abril, passou também a poder ser comercializada em duas marcas de supermercados que operam em Portugal.

Além da Deco, também o Portal da Queixa regista várias queixas contra este produto, que continuam à espera de resposta da EHS, marca responsável pela sua comercialização.