Anúncio
Anúncio

Kate e William continuam a manter a especulação sobre o nascimento e o sexo do segundo filho. Mas segundo duas revistas americanas, o nascimento já terá ocorrido. Segundo a publicação trata-se de uma menina e nasceu prematura, no dia 11 de Março, com cerca de dois quilos. O parto teve direito a reportagens especiais, foi dramático e colocou ambas em perigo de vida. As publicações não mereceram desmentido oficial.

As revistas Life&Style e Ok! USA noticiaram toda a história sobre o nascimento do segundo filho da duquesa de Cambridge. Segundo estas publicações, tudo aconteceu no dia 11 de Março. A menina nasceu assim prematura - já que a família real anunciou que o nascimento está previsto para Abril - e o parto não foi fácil.

Anúncio

Kate e a filha correram risco de vida. O parto foi extremamente complicado e viveram-se momentos dramáticos, ao ponto da mãe de Kate, Caroline, ter sofrido um ataque de pânico em pleno hospital.

A imaginação era muita portanto, mas as notícias foram demasiado precipitadas. Isto porque no dia em que foram para as bancas as duas revistas contendo toda a história do parto, Kate Middleton era vista em Londres, com a barriga de oito meses e com um sorriso nos lábios. Por esse motivo não houve necessidade da família real emitir o desmentido da publicação. Quanto às duas revistas, mais nada foi dito sobre o assunto, nem foi desmentida toda a publicação que antecipava o nascimento do irmão de George.

Anúncio
Os melhores vídeos do dia

Estas (falsas) notícias, que surgiram do outro lado do Atlântico, foram divulgadas após uma casa de apostas britânica ter (supostamente) resolvido o mistério em torno do sexo do bebé e do seu nome através de uma corrida de cães. Segundo o resultado da corrida, se for um menino terá o nome de James, Spencer ou Boris. No caso de ser uma menina, os nomes vencedores são Alexandra, Camilla e Victoria, segundo a «Marie Claire».

A criança, cujo sexo ainda não foi revelado, tem nascimento previsto para Abril. É o segundo filho de William e Kate, sendo o quarto na linha de sucessão ao torno.