A série 'A Guerra dos Tronos' tem gerado muita curiosidade, desde o início, conquistando milhões de fãs em todo o mundo. No entanto, a nova temporada tem causado alguma revolta junto dos fãs dos livros 'As Crónicas de Gelo e Fogo', de George R. R. Martin, nos quais a produção é inspirada.

Publicidade
Publicidade

Ontem o autor usou o seu blogue para escrever sobre o mais recente episódio, acerca do qual vários espetadores ficaram chocados com a cena onde Sansa Stark (Sophie Turner) é violada na sua noite de núpcias, após casar com o sádico Ramsay Bolton (Iwan Rheon). "Eu estou a ser inundado por e-mails e comentários off-topic neste blogue sobre o episódio desta noite de Game of Thrones", escreveu Martin, acrescentando que todos os comentários foram apagados.

Sansa Stark em 'A Guerra dos Tronos'
Sansa Stark em 'A Guerra dos Tronos'

"Eu tenho dito desde a 1.ª temporada que este não é o sítio para debater ou discutir a série de Televisão", justificou. A pedido dos vários fãs da sua saga literária e da série, o autor fez um comentário sobre o que se tem passado. "Quantos filhos teve Scarlett O'Hara? Três, no romance. Um, no filme. Nenhum, na vida real: ela era uma personagem de ficção, nunca existiu", disse fazendo uma alusão à famosa personagem de 'E Tudo o Vento Levou'. "A série é a série, os livros são os livros; duas formas diferentes de contar a mesma história", escreveu no seu blogue.

Publicidade

O autor afirmou ainda que as diferenças entre os seus livros e a produção televisiva começaram desde o primeiro episódio e que desde então tem falado do "efeito borboleta", afirmando que "pequenas alterações conduzem a alterações maiores que conduzem a enormes alterações". George R. R. Martin elogiou novamente o trabalho da HBO na "impossível e exigente tarefa" de adaptar os seus livros, que têm várias personagens, enredos, twists, contradições e narradores.

"Raramente houve uma série de TV tão fiel ao seu material de origem", escreveu. "David, Dan e Bryan e a HBO estão a tentar fazer a melhor série de televisão que conseguem. E aqui, eu estou a tentar escrever os melhores livros que consigo. E sim, cada vez mais, eles divergem", afirmou o autor garantindo que todos têm a intenção de que no final todos terminem no mesmo sítio. "Entretanto, esperamos que os leitores e telespetadores apreciem a viagem.

Publicidade

Ou as viagens, conforme o caso. Às vezes as borboletas tornam-se dragões", finalizou o autor.

És fã da série Game of Thrones? O que estás a achar da 5.ª temporada? Deixa a tua opinião abaixo na caixa de comentários!

Leia tudo