São más notícias para os fãs da série "CSI: Crime Sob Investigação". Após 15 anos em exibição na televisão, a série de culto da CBS não será renovada. A série criminal que ganhou seguidores em todo o mundo ficou de fora da lista das renovações da estação norte-americana para a temporada 2015/2016.

Contudo, a imprensa especializada especula já que poderá estar a ser preparado um telefilme de duas horas para acabar definitivamente com a série, ou, então, uma última temporada mais curta, com cerca de seis episódios. Isto porque a última temporada terminou com uma das personagens principais, Julie Finlay (Elizabeth Sue), a sair de um coma nos últimos segundos do episódio intitulado "O Jogo Final" (no original "The End Game").

Em cima da mesa parece também estar a ideia de fazer dois episódios em que William Petersen, protagonista inicial, voltaria a aparecer para uma participação especial.

Uma das causas avançadas pela imprensa para o cancelamento desta série, com mais de 300 episódios, é o elevado custo de produção, embora o programa mantenha um público fiel e assíduo. Criada em 2000 por Anthony E. Zuiker, depressa se percebeu que este seria um modelo vencedor, tornando-se mesmo num dos mais bem-sucedidos franchises da ficção televisiva. Após o reconhecimento do público, e dado o elevado número de seguidores, a série principal inspirou três spin-off: "CSI Miami", "CSI Nova Iorque" e, o mais recente, "CSI Cyber".

Os rumores vinham já a ser falados desde o início do ano, confirmando-se esta terça-feira o cancelamento da série, depois de "CSI Miami" e "CSI Nova Iorque" terem também já sido canceladas.

Os melhores vídeos do dia

a mais recente aposta, "CSI Cyber", protagonizada pela atriz Patricia Arquette, está na lista de renovações da CBS, onde constam também as Séries "The Good Wife", "Hawai Força Especial", "Investigação Criminal", "Investigação Criminal Los Angeles", "Elementar", "Sob Suspeita", "Blue Bloods" ou "Mentes Criminosas".

"CSI: Crime Sob Investigação" está em exibição em Portugal na SIC e no AXN.