O casamento de Angelina Jolie e Brad Pitt parece que não está nos melhores dias. As informações da revista In Touch, e avançadas em Portugal pelo Diário de Notícias, dão conta de que o casamento está a ressentir-se com a distância e o trabalho de ambos. Em 2013 o facto de estarem a gravar os dois em simultâneo parece ter mexido com a relação. Desde então, e apesar do pacto de nunca mais trabalharem ao mesmo tempo, parece que os problemas não terminam.

A distância causada em 2013 pela gravação dos filmes em que ambos participavam, com Brad em Inglaterra e Angelina na Austrália, levaram a que o casal Brangelina se distanciasse.

A crise conjugal que agora parece assolar o casal de actores vai tentar ser resolvida por ambos, que pretendem desligar-se do trabalho e a passar uma temporada na Grécia, numa ilha que compraram no início deste mês e que custou cerca de cinco milhões de dólares. É nesta ilha paradisíaca que o casal pretende construir seis moradias para poder receber alguns familiares e amigos.

De acordo com uma fonte próxima do casal, esta escapadela romântica irá servir "como uma oportunidade para os dois trabalharem no casamento. Eles reconhecem que tem existido muita tensão entre ambos e poucos momentos românticos e querem recuperar a magia da relação", cita o Diário de Notícias, baseado na revista OK! Magazine. Juntos há mais de dez anos, os dois actores conheceram-se nas gravações do filme Mr. E Mrs. Smith; porém, só em Setembro de 2014 é que o casal oficializou a relação.

Os melhores vídeos do dia

Ao longo desta relação foram já várias as notícias que davam conta de supostas crises no matrimónio. Em 2009 surgiram rumores que os dois actores iriam mesmo divorciar-se e que Pitt iria pedir a custódia dos filhos. No ano seguinte nova onda de notícias dava conta de que o casal mais famoso de Hollywood iria afastar-se e que já teriam até assinado os papéis que ditavam a divisão do património. Nenhuma destas notícias veio a confirmar-se e, apesar de uma alegada distância entre ambos, há notícias que dão conta de que o casal poderá adoptar mais uma criança, Moussa, um menino sírio de apenas dois anos. #Famosos